Inscreva-se e receba nossos artigos

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
13
10
2021

Qual o papel de uma Empresa de Logística Fulfillment?

Tag
Confira nossas postagens sobre Logística aqui na Pier8!
Confira nossas postagens sobre Fulfillment aqui na Pier8!

Uma empresa logística é responsável por contratar profissionais cujo foco é gerenciar os materiais, produtos e recursos de uma empresa. Além disso, também torna-se de seu controle a organização operacional. 

A empresa logística é responsável por administrar o estoque, controlar o armazenamento, pensar na cadeia de suprimentos, planejar a movimentação interna, gerenciar a distribuição entre fábricas, centros e varejo, bem como é encarregado pelo transporte e entrega dos produtos. O profissional logístico, dentro de uma operação, é responsável por impulsionar a comunicação entre todos da equipe. 

Nesse sentido, o fulfillment é um elo fundamental para a cadeia de suprimentos. Sem um processo de atendimento e processamento de pedidos preciso, contínuo e confiável, seus clientes não ficarão satisfeitos. Afinal ninguém gosta de atrasos, erros e outros contratempos, não é mesmo? Entenda mais! 

Entenda o papel de uma Empresa de Logística Fulfillment 

O fulfillment  está relacionado a gestão do e-commerce pois envolve todas as operações necessárias para atender às necessidades do cliente, além disso, exige uma atuação integrada de diversos setores para garantir a excelência do serviço prestado, entre eles estão: logística, tecnologia, atendimento e marketing.

Assim, entendendo que a gestão do seu e-commerce deve funcionar perfeitamente, afinal, comprar na internet é muito vantajoso quando o assunto é experiência de compra, isso porque as pessoas prezam por comodidade, rapidez e tranquilidade na hora de avaliar as opções disponíveis para compra. 

Para começar, vamos definir o que é o fulfillment. Trata-se de um conjunto de operações e atividades que são realizadas desde o recebimento do pedido no e-commerce até a entrega do produto. Dentro dele podemos referenciar alguns processos como o recebimento, armazenamento, picking (def: separação e preparação de pedidos),embalagem do produto, faturamento e expedição.

Entretanto, esses processos quando somados podem representar uma fatia muito importante no total de custos da operação virtual. Vamos a um exemplo de e-commerce, se o lojista envia produtos a mais no pedido sem conferência, o que pode ocorrer são grandes perdas financeiras.

E é justamente por este motivo que alguns dos grandes players escolhem por terceirizar essas atividades com empresas especializadas em full-commerce. Sabe-se que outras organizam, por exemplo, um padrão de serviços, usando um SLA de d+0.

O modelo full commerce ocorre quando o varejista terceiriza toda parte de planejamento, consultoria, criação, gestão, operação, segurança digital, meios de pagamento e análises de resultados do comércio eletrônico do seu negócio. Este método irá possibilitar uma visão total de todo o cenário, através dos instrumentos disponíveis e adequados, e então serão adotadas as melhores práticas, direcionando todo o funcionamento para soluções ágeis e inteligentes, do mesmo modo que irá auxiliar na comunicação entre empresa e mercado. 

A implementação da  logística fulfillment garante que os custos sejam reduzidos e as vendas aumentem. Atualmente, sabemos que a participação das vendas de lojistas dentro dos negócios online dos principais varejistas ultrapassa os 25% em faturamento e 35% em quantidade de pedidos. 

Empresa de Logística Fulfillment: principais benefícios

Contratar um Operador Logístico pode trazer ao seu negócio muito mais vantagens e benefícios. Afinal, investir em locais para armazenagem (funções de recepção, descarga, carregamento, arrumação e conservação de matérias-primas, produtos acabados ou semi-acabados) ou contratar uma transportadora pode gerar altos custos para o orçamento de uma empresa, além de limitar os procedimentos logísticos e desdobrar em algumas dores de cabeça.

Ao optar por um Operador Logístico, você poderá se dedicar ao que de fato é o seu negócio.  Pare de se preocupar com gerenciamento e fluxos logísticos

Além disso, as atividades logísticas demandam mão de obra, equipamentos e espaço para armazém, o que exige altos - valores grandes - de investimentos. Contratando um Operador Logístico, você reduzirá custos com armazenamento, transporte, mão de obra e terá acesso a soluções integradas, desenvolvidas de acordo com sua necessidade.

Nota-se que o operador logístico é essencial para o bom funcionamento de qualquer empresa, desde a gestão do estoque, armazenagem e transportes para a distribuição.

Invista no que realmente importa: vendas!

Os pequenos lojistas não precisam mais se preocupar com embalagens, armazenamentos, transportes, segurança e etc. Este tipo de serviço pode ser oferecido com um baixo custo por empresas especializadas na logística para e-commerce.

Uma coisa é certa, como o trabalho é realizado por profissionais especializados em logística, os resultados são melhores. Com um serviço mais profissional, o pequeno lojista pode canalizar todos os seus esforços nas suas vendas.

Espaço de armazenagem

Estoque em casa? Nunca mais! Empresas de logística especializadas em e-commerce oferecem armazenagem em boxes modulares de vários tamanhos, onde é possível manter as mercadorias com privacidade e controle de segurança.

Tecnologia a serviço da sua loja: monitoramento e controle em tempo real

Na Pier 8, empresa especializada em logística para e-commerce, os produtos são armazenados, separados e controlados pelo WMS (Warehouse Management System), um sistema de gerenciamento para controle de entrada e saída de mercadorias, monitorado por relatórios gerenciais. O acesso à informação é privado e em tempo real por meio do site.

Picking & Packing profissional

Separação e embalagem são operações que tomam tempo. Vale investir em um serviço qualificado que vai preparar os produtos com embalagens adequadas e da maneira correta para evitar danos.

Como funciona a empresa de logística Pier 8

Com mais de 20 anos no mercado, a Pier8 sabe o que está fazendo, possui 2 unidades que somam 15.000 metros quadrados. Uma das missões mais importantes da empresa é oferecer aos seus clientes o que há de mais moderno e inteligente no segmento logístico.

Os produtos são armazenados em espaços modulares, separados e controlados por um sistema de gerenciamento de armazém, o WMS (Warehouse Management System), que oferece aos usuários controle de entrada e saída de mercadorias em tempo real, otimização de espaço, melhor produtividade, entre outras vantagens.

Uso de Softwares de Gestão Logística

Isso significa muito mais segurança nos processos logísticos. 

Sistemas de Gestão de Transportes (TMS)

O TMS, sigla para Transportation Management System, trata-se de um sistema de gestão voltado centralmente às atividades de transporte. O software é considerado indispensável para as rotinas de negócios que lidam com uma frota própria ou transportadoras.

Esta solução abrange diversas funções vantajosas, capazes de contribuir para o planejamento e otimização de processos logísticos. De modo geral, o software controla qualquer tipo de informação e tarefa relacionado ao transporte como:

  • gestão de frota;
  • otimização de carga e rotas;
  • auditoria de frete;
  • emissão de documentos e notas;
  • despacho e entregas;
  • entre outros.

Dessa maneira, através dele, com precisão,  a empresa percebe ganhos no seu dia a dia, por exemplo:

  • redução de custos;
  • aumento da visibilidade do negócio e de toda cadeia de transportes;
  • garantia da conformidade;
  • maior flexibilidade;
  • torna possível acompanhar os processos por meio de indicadores de desempenho, dando apoio às tomadas de decisão.

Sistemas de Gestão de Armazéns (WMS)

O foco do Warehouse Management System (WMS) é um sistema de logística que integra a cadeia de suprimentos (SCM – Supply Chain Management), e seu principal objetivo é o gerenciamento e a automatização de todos os processos logísticos que ocorrem em um armazém ou centro de distribuição. No fim, as equipes se tornam mais produtivas e diversas tarefas operacionais são aprimoradas. Entre suas tantas funcionalidades do WMS, podemos destacar:

  • inventário de materiais;
  • separação de pedidos (picking);
  • controle de portaria;
  • endereçamento de encomendas;
  • estocagem;
  • recebimento e averiguação de cargas;
  • embalagem, carregamento e expedição;
  • emissão de notas fiscais;
  • gestão do fluxo de informações administrativas;
  • entre outros. 

Com isso, houve uma revolução nos setores que demandam logística eficiente. Se antes o controle era feito manualmente, a partir dessa solução o próprio software assume total controle do estoque, desde o momento da chegada de um produto, até a etapa de expedição. O resultado? Diminuição de falhas nos processos logísticos e redução de custos, mas a lista não para por aí, além disso:

  • Otimização do tempo gasto;
  • Organização de todos os processos internos;
  • Controle da entrada e saída de produtos;
  • Planejamento de recursos;
  • Melhoria na comunicação;
  • Controle e abastecimento da linha de produção.

O sistema WMS na logística se conecta a um banco de dados, ali são registrados toda e qualquer movimentação que acontece dentro do armazém, tudo é mediado a partir do uso de códigos de barras, QR codes ou sensores automáticos. Algumas atividades realizadas pelo software, capaz de reduzir falhas importantes na logística:

  • Registra entrada e saída de mercadorias;
  • Atualizar o inventário com informações gerais sobre os produtos, como data de validade, peso, dimensões e número de lote;
  • Impulsiona a organização do estoque, com base na demanda, otimizando o espaço disponível;
  • Fornece relatórios atualizados sobre o status dos produtos no armazém.

Sistema de Gestão Empresarial (ERP)

Por fim, seria impossível finalizar este conteúdo sem mencionar um software com uma proposta bem completa: o ERP. A sigla tem origem no seu significado, que é Enterprise Resource Planning. Atualmente, muitas empresas fazem uso desta soluções, nos mais variados setores, e é composta por módulos. Sendo assim, é possível integrar outros programas como o TMS ou o WMS. Ou seja, seus processos logísticos são centralizados a partir de uma única solução. 

Por consequência, um dos maiores benefícios do ERP é a capacidade de integração logística, o que favorece a troca de informações entre setores e parceiros.

Se tratando dos softwares que potencializam a gestão logística, a lista é longa e sempre está atualizando. No entanto, vale considerar que todas apresentam excelentes vantagens e vão auxiliar seu negócio a alcançar outro patamar e ter mais lucros. 

A Pier 8 tem soluções em logística para seu negócio, como a integração de sistemas como WMS e ERP. Entre em contato


Inscreva-se e receba nossos artigos!

Tag
Confira nossas postagens sobre Logística aqui na Pier8!
Confira nossas postagens sobre Fulfillment aqui na Pier8!

Qual o papel de uma Empresa de Logística Fulfillment?

Uma empresa logística é responsável por contratar profissionais cujo foco é gerenciar os materiais, produtos e recursos de uma empresa. Além disso, também torna-se de seu controle a organização operacional. 

A empresa logística é responsável por administrar o estoque, controlar o armazenamento, pensar na cadeia de suprimentos, planejar a movimentação interna, gerenciar a distribuição entre fábricas, centros e varejo, bem como é encarregado pelo transporte e entrega dos produtos. O profissional logístico, dentro de uma operação, é responsável por impulsionar a comunicação entre todos da equipe. 

Nesse sentido, o fulfillment é um elo fundamental para a cadeia de suprimentos. Sem um processo de atendimento e processamento de pedidos preciso, contínuo e confiável, seus clientes não ficarão satisfeitos. Afinal ninguém gosta de atrasos, erros e outros contratempos, não é mesmo? Entenda mais! 

Entenda o papel de uma Empresa de Logística Fulfillment 

O fulfillment  está relacionado a gestão do e-commerce pois envolve todas as operações necessárias para atender às necessidades do cliente, além disso, exige uma atuação integrada de diversos setores para garantir a excelência do serviço prestado, entre eles estão: logística, tecnologia, atendimento e marketing.

Assim, entendendo que a gestão do seu e-commerce deve funcionar perfeitamente, afinal, comprar na internet é muito vantajoso quando o assunto é experiência de compra, isso porque as pessoas prezam por comodidade, rapidez e tranquilidade na hora de avaliar as opções disponíveis para compra. 

Para começar, vamos definir o que é o fulfillment. Trata-se de um conjunto de operações e atividades que são realizadas desde o recebimento do pedido no e-commerce até a entrega do produto. Dentro dele podemos referenciar alguns processos como o recebimento, armazenamento, picking (def: separação e preparação de pedidos),embalagem do produto, faturamento e expedição.

Entretanto, esses processos quando somados podem representar uma fatia muito importante no total de custos da operação virtual. Vamos a um exemplo de e-commerce, se o lojista envia produtos a mais no pedido sem conferência, o que pode ocorrer são grandes perdas financeiras.

E é justamente por este motivo que alguns dos grandes players escolhem por terceirizar essas atividades com empresas especializadas em full-commerce. Sabe-se que outras organizam, por exemplo, um padrão de serviços, usando um SLA de d+0.

O modelo full commerce ocorre quando o varejista terceiriza toda parte de planejamento, consultoria, criação, gestão, operação, segurança digital, meios de pagamento e análises de resultados do comércio eletrônico do seu negócio. Este método irá possibilitar uma visão total de todo o cenário, através dos instrumentos disponíveis e adequados, e então serão adotadas as melhores práticas, direcionando todo o funcionamento para soluções ágeis e inteligentes, do mesmo modo que irá auxiliar na comunicação entre empresa e mercado. 

A implementação da  logística fulfillment garante que os custos sejam reduzidos e as vendas aumentem. Atualmente, sabemos que a participação das vendas de lojistas dentro dos negócios online dos principais varejistas ultrapassa os 25% em faturamento e 35% em quantidade de pedidos. 

Empresa de Logística Fulfillment: principais benefícios

Contratar um Operador Logístico pode trazer ao seu negócio muito mais vantagens e benefícios. Afinal, investir em locais para armazenagem (funções de recepção, descarga, carregamento, arrumação e conservação de matérias-primas, produtos acabados ou semi-acabados) ou contratar uma transportadora pode gerar altos custos para o orçamento de uma empresa, além de limitar os procedimentos logísticos e desdobrar em algumas dores de cabeça.

Ao optar por um Operador Logístico, você poderá se dedicar ao que de fato é o seu negócio.  Pare de se preocupar com gerenciamento e fluxos logísticos

Além disso, as atividades logísticas demandam mão de obra, equipamentos e espaço para armazém, o que exige altos - valores grandes - de investimentos. Contratando um Operador Logístico, você reduzirá custos com armazenamento, transporte, mão de obra e terá acesso a soluções integradas, desenvolvidas de acordo com sua necessidade.

Nota-se que o operador logístico é essencial para o bom funcionamento de qualquer empresa, desde a gestão do estoque, armazenagem e transportes para a distribuição.

Invista no que realmente importa: vendas!

Os pequenos lojistas não precisam mais se preocupar com embalagens, armazenamentos, transportes, segurança e etc. Este tipo de serviço pode ser oferecido com um baixo custo por empresas especializadas na logística para e-commerce.

Uma coisa é certa, como o trabalho é realizado por profissionais especializados em logística, os resultados são melhores. Com um serviço mais profissional, o pequeno lojista pode canalizar todos os seus esforços nas suas vendas.

Espaço de armazenagem

Estoque em casa? Nunca mais! Empresas de logística especializadas em e-commerce oferecem armazenagem em boxes modulares de vários tamanhos, onde é possível manter as mercadorias com privacidade e controle de segurança.

Tecnologia a serviço da sua loja: monitoramento e controle em tempo real

Na Pier 8, empresa especializada em logística para e-commerce, os produtos são armazenados, separados e controlados pelo WMS (Warehouse Management System), um sistema de gerenciamento para controle de entrada e saída de mercadorias, monitorado por relatórios gerenciais. O acesso à informação é privado e em tempo real por meio do site.

Picking & Packing profissional

Separação e embalagem são operações que tomam tempo. Vale investir em um serviço qualificado que vai preparar os produtos com embalagens adequadas e da maneira correta para evitar danos.

Como funciona a empresa de logística Pier 8

Com mais de 20 anos no mercado, a Pier8 sabe o que está fazendo, possui 2 unidades que somam 15.000 metros quadrados. Uma das missões mais importantes da empresa é oferecer aos seus clientes o que há de mais moderno e inteligente no segmento logístico.

Os produtos são armazenados em espaços modulares, separados e controlados por um sistema de gerenciamento de armazém, o WMS (Warehouse Management System), que oferece aos usuários controle de entrada e saída de mercadorias em tempo real, otimização de espaço, melhor produtividade, entre outras vantagens.

Uso de Softwares de Gestão Logística

Isso significa muito mais segurança nos processos logísticos. 

Sistemas de Gestão de Transportes (TMS)

O TMS, sigla para Transportation Management System, trata-se de um sistema de gestão voltado centralmente às atividades de transporte. O software é considerado indispensável para as rotinas de negócios que lidam com uma frota própria ou transportadoras.

Esta solução abrange diversas funções vantajosas, capazes de contribuir para o planejamento e otimização de processos logísticos. De modo geral, o software controla qualquer tipo de informação e tarefa relacionado ao transporte como:

  • gestão de frota;
  • otimização de carga e rotas;
  • auditoria de frete;
  • emissão de documentos e notas;
  • despacho e entregas;
  • entre outros.

Dessa maneira, através dele, com precisão,  a empresa percebe ganhos no seu dia a dia, por exemplo:

  • redução de custos;
  • aumento da visibilidade do negócio e de toda cadeia de transportes;
  • garantia da conformidade;
  • maior flexibilidade;
  • torna possível acompanhar os processos por meio de indicadores de desempenho, dando apoio às tomadas de decisão.

Sistemas de Gestão de Armazéns (WMS)

O foco do Warehouse Management System (WMS) é um sistema de logística que integra a cadeia de suprimentos (SCM – Supply Chain Management), e seu principal objetivo é o gerenciamento e a automatização de todos os processos logísticos que ocorrem em um armazém ou centro de distribuição. No fim, as equipes se tornam mais produtivas e diversas tarefas operacionais são aprimoradas. Entre suas tantas funcionalidades do WMS, podemos destacar:

  • inventário de materiais;
  • separação de pedidos (picking);
  • controle de portaria;
  • endereçamento de encomendas;
  • estocagem;
  • recebimento e averiguação de cargas;
  • embalagem, carregamento e expedição;
  • emissão de notas fiscais;
  • gestão do fluxo de informações administrativas;
  • entre outros. 

Com isso, houve uma revolução nos setores que demandam logística eficiente. Se antes o controle era feito manualmente, a partir dessa solução o próprio software assume total controle do estoque, desde o momento da chegada de um produto, até a etapa de expedição. O resultado? Diminuição de falhas nos processos logísticos e redução de custos, mas a lista não para por aí, além disso:

  • Otimização do tempo gasto;
  • Organização de todos os processos internos;
  • Controle da entrada e saída de produtos;
  • Planejamento de recursos;
  • Melhoria na comunicação;
  • Controle e abastecimento da linha de produção.

O sistema WMS na logística se conecta a um banco de dados, ali são registrados toda e qualquer movimentação que acontece dentro do armazém, tudo é mediado a partir do uso de códigos de barras, QR codes ou sensores automáticos. Algumas atividades realizadas pelo software, capaz de reduzir falhas importantes na logística:

  • Registra entrada e saída de mercadorias;
  • Atualizar o inventário com informações gerais sobre os produtos, como data de validade, peso, dimensões e número de lote;
  • Impulsiona a organização do estoque, com base na demanda, otimizando o espaço disponível;
  • Fornece relatórios atualizados sobre o status dos produtos no armazém.

Sistema de Gestão Empresarial (ERP)

Por fim, seria impossível finalizar este conteúdo sem mencionar um software com uma proposta bem completa: o ERP. A sigla tem origem no seu significado, que é Enterprise Resource Planning. Atualmente, muitas empresas fazem uso desta soluções, nos mais variados setores, e é composta por módulos. Sendo assim, é possível integrar outros programas como o TMS ou o WMS. Ou seja, seus processos logísticos são centralizados a partir de uma única solução. 

Por consequência, um dos maiores benefícios do ERP é a capacidade de integração logística, o que favorece a troca de informações entre setores e parceiros.

Se tratando dos softwares que potencializam a gestão logística, a lista é longa e sempre está atualizando. No entanto, vale considerar que todas apresentam excelentes vantagens e vão auxiliar seu negócio a alcançar outro patamar e ter mais lucros. 

A Pier 8 tem soluções em logística para seu negócio, como a integração de sistemas como WMS e ERP. Entre em contato


Preencha seus dados e acesse o e-book.

Tem alguma dúvida sobre Logística para E-Commerce?