Inscreva-se e receba nossos artigos

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
25
11
2021

Principais etapas da Logística Reversa

Tag
Tudo sobre Logística Reversa - Pier8

A logística reversa cabe perfeitamente ao momento que os produtos produzidos pela sua empresa virarem lixo nas mãos dos consumidores, você não só terá a oportunidade de beneficiar a sociedade e o planeta, mas também terá a oportunidade de estabelecer uma imagem positiva e ganhar dinheiro. Através da logística reversa é possível tornar seu negócio muito mais lucrativo. 

O conceito de logística reversa surgiu na década de 1990, quando as empresas se preocupavam com o descarte correto dos produtos e com o impacto que isso teria na sociedade. 

Por isso, as empresas têm lançado uma série de estratégias para promover o processo de operacionalização de algumas devoluções de produtos pós-consumo, fazendo com que várias empresas precisem adotar processos de logística reversa, principalmente aquelas que produzem resíduos perigosos ao meio ambiente, como os resíduos hospitalares, medicamentos e pesticidas, bateria de eletrônicos, entre outros. 

Neste artigo, conheça as principais etapas da logística reversa para aplicá-la corretamente em seu negócio. 

Conheça as principais etapas de Logística Reversa

Por tudo isso, é necessário entender quais são as três etapas básicas da logística reversa:

  • O consumidor devolve o produto ou embalagem ao revendedor / distribuidor.
  • O revendedor / distribuidor envia para o fabricante / importador.
  • O fabricante / importador o encaminha para reutilização, reciclagem ou descarte adequado.

Essas etapas se aplicam a dois formatos de logística reversa: pós-venda e pós-consumo.

Existem dois tipos principais de logística: logística reversa pós-venda e logística reversa pós-consumo. Para entender o que adotar em sua empresa e como implementá-los, entenda os seguintes conceitos:

Logística reversa pós-venda

Na logística reversa do pós-venda, os produtos problemáticos são devolvidos à cadeia de distribuição antes de serem utilizados pelos consumidores ou nos casos em que são raramente utilizados, seja por defeitos encontrados ou por erros no processamento de pedidos, por exemplo.

Para atender a essa demanda, a empresa precisa planejar o recebimento e o encaminhamento das mercadorias e estabelecer um meio de controlar a logística e as informações logísticas em sua estratégia organizacional. Normalmente, o produto pode ser melhorado e revendido para agregar valor.

Os possíveis motivos para o retorno pós-venda e os motivos pelos quais a empresa precisa planejar para lidar com:

  • Defeitos de fabricação ou operacionais
  • Produto ou falha de embalagem
  • Danos causados ​​durante o transporte
  • Produtos que precisam de conserto
  • Erro ao fazer um pedido
  • Bens em consignação
  • Término do prazo de validade
  • Necessidade de recall.

Logística reversa pós-consumo

Na logística reversa pós-consumo, os consumidores compram, usam e descartam produtos problemáticos porque sua vida útil expirou ou sua data de validade expirou e são considerados inadequados para o consumo primário.

Assim como no pós-venda, a empresa deve estar preparada para receber os itens e encaminhá-los de forma adequada. Esses itens podem ser reaproveitados para voltar ao ciclo produtivo, reciclados ou desmontados, e depois submetidos ao tratamento ambiental adequado, apenas retornando ao mercado não é viável.

Após o consumo, a estratégia adotada depende das condições em que o produto retorna à indústria:

  • Se houver condições de uso, o produto pode ser reaproveitado;
  • Se o produto atingiu o fim de sua vida útil, o produto pode ter componentes reutilizados ou remanufaturados;
  • Havendo risco ambiental, o item deve ser descartado de maneira correta.

Principais benefícios da Logística Reversa em empresas modernas

O principal objetivo da logística reversa é reduzir diretamente o impacto dos resíduos. Dessa forma, orienta empresas, governos e pessoas físicas a se responsabilizar pelo ciclo de vida do produto, a fim de conscientizar sobre seu papel e compromisso com o meio ambiente.

A logística reversa tem grande potencial para permitir que diferentes setores desempenham importantes papéis socioambientais e contribuam para a construção de um mundo melhor. Portanto, tem um impacto muito importante na proteção do meio ambiente e na redução dos danos à saúde humana. Além disso, a logística reversa traz outros benefícios para qualquer empresa de diversos setores, tornando-se uma estratégia eficaz para empresas de todos os ramos.

Tende a reduzir custos

Logística reversa e redução de custos estão intimamente ligadas, e a diferença entre esses dois conceitos está na maneira como você os usa!

Na prática, se você estabelecer uma política de logística reversa que tenha como objetivo o reaproveitamento de matéria-prima para o desenvolvimento de outros produtos, seus custos operacionais logísticos podem ser reduzidos significativamente. Além disso, o custo pode ser reduzido melhorando o processo de produção, que é o item do processo neste artigo.

Impactos positivos no processo produtivo

Na verdade, a logística reversa nem sempre é aplicada após o consumo. Por exemplo, você pode ter uma política de logística reversa para escolher produtos com defeito. Um dos objetivos dessa operação é monitorar a quantidade de produtos devolvidos por defeito, insatisfação do cliente e até mesmo erros de gerenciamento de estoque ou envio, identificando oportunidades importantes para melhorar seus processos.

Imagem corporativa e relacionamento

Toda empresa ou setor que aposta em políticas de logística reversa (pós-consumo ou outros padrões) tende a criar uma boa imagem para o consumidor moderno e é mais popular entre os consumidores.

Afinal, irá demonstrar consciência ambiental, compreensão e flexibilidade para se adaptar às novas necessidades, e além disso, poderá reforçar os conceitos positivos cada vez mais exigidos pelos clientes, nomeadamente: responsabilidade, compromisso social e economia colaborativa.

Mais vantagens competitivas

Todas as mudanças ocasionadas pela crise econômica e mudanças no comportamento do consumidor intensificaram a competição no mercado. Com isso, a logística reversa pode ser um diferencial e trazer importantes benefícios, permitindo que você fique à frente da concorrência, aumentando também o valor da sua marca.

Você gosta do conteúdo? Escreva o tópico que deseja ler nos comentários!

Todas as transformações advindas da crise econômica, mudanças de comportamento do consumidor e afins, tornaram o mercado mais competitivo. Com isso, a logística reversa pode ser um diferencial e resultar em benefícios importantes para que você consiga sair à frente da concorrência, e assim, aumentar também o valor da sua marca.

Gostou do conteúdo? Escreva nos comentários sobre qual assunto você quer ler! 

A Pier 8 tem soluções em logística para seu negócio. Preencha o formulário, estamos ansiosos por sua parceria! 




Inscreva-se e receba nossos artigos!

Tag
Tudo sobre Logística Reversa - Pier8

Principais etapas da Logística Reversa

A logística reversa cabe perfeitamente ao momento que os produtos produzidos pela sua empresa virarem lixo nas mãos dos consumidores, você não só terá a oportunidade de beneficiar a sociedade e o planeta, mas também terá a oportunidade de estabelecer uma imagem positiva e ganhar dinheiro. Através da logística reversa é possível tornar seu negócio muito mais lucrativo. 

O conceito de logística reversa surgiu na década de 1990, quando as empresas se preocupavam com o descarte correto dos produtos e com o impacto que isso teria na sociedade. 

Por isso, as empresas têm lançado uma série de estratégias para promover o processo de operacionalização de algumas devoluções de produtos pós-consumo, fazendo com que várias empresas precisem adotar processos de logística reversa, principalmente aquelas que produzem resíduos perigosos ao meio ambiente, como os resíduos hospitalares, medicamentos e pesticidas, bateria de eletrônicos, entre outros. 

Neste artigo, conheça as principais etapas da logística reversa para aplicá-la corretamente em seu negócio. 

Conheça as principais etapas de Logística Reversa

Por tudo isso, é necessário entender quais são as três etapas básicas da logística reversa:

  • O consumidor devolve o produto ou embalagem ao revendedor / distribuidor.
  • O revendedor / distribuidor envia para o fabricante / importador.
  • O fabricante / importador o encaminha para reutilização, reciclagem ou descarte adequado.

Essas etapas se aplicam a dois formatos de logística reversa: pós-venda e pós-consumo.

Existem dois tipos principais de logística: logística reversa pós-venda e logística reversa pós-consumo. Para entender o que adotar em sua empresa e como implementá-los, entenda os seguintes conceitos:

Logística reversa pós-venda

Na logística reversa do pós-venda, os produtos problemáticos são devolvidos à cadeia de distribuição antes de serem utilizados pelos consumidores ou nos casos em que são raramente utilizados, seja por defeitos encontrados ou por erros no processamento de pedidos, por exemplo.

Para atender a essa demanda, a empresa precisa planejar o recebimento e o encaminhamento das mercadorias e estabelecer um meio de controlar a logística e as informações logísticas em sua estratégia organizacional. Normalmente, o produto pode ser melhorado e revendido para agregar valor.

Os possíveis motivos para o retorno pós-venda e os motivos pelos quais a empresa precisa planejar para lidar com:

  • Defeitos de fabricação ou operacionais
  • Produto ou falha de embalagem
  • Danos causados ​​durante o transporte
  • Produtos que precisam de conserto
  • Erro ao fazer um pedido
  • Bens em consignação
  • Término do prazo de validade
  • Necessidade de recall.

Logística reversa pós-consumo

Na logística reversa pós-consumo, os consumidores compram, usam e descartam produtos problemáticos porque sua vida útil expirou ou sua data de validade expirou e são considerados inadequados para o consumo primário.

Assim como no pós-venda, a empresa deve estar preparada para receber os itens e encaminhá-los de forma adequada. Esses itens podem ser reaproveitados para voltar ao ciclo produtivo, reciclados ou desmontados, e depois submetidos ao tratamento ambiental adequado, apenas retornando ao mercado não é viável.

Após o consumo, a estratégia adotada depende das condições em que o produto retorna à indústria:

  • Se houver condições de uso, o produto pode ser reaproveitado;
  • Se o produto atingiu o fim de sua vida útil, o produto pode ter componentes reutilizados ou remanufaturados;
  • Havendo risco ambiental, o item deve ser descartado de maneira correta.

Principais benefícios da Logística Reversa em empresas modernas

O principal objetivo da logística reversa é reduzir diretamente o impacto dos resíduos. Dessa forma, orienta empresas, governos e pessoas físicas a se responsabilizar pelo ciclo de vida do produto, a fim de conscientizar sobre seu papel e compromisso com o meio ambiente.

A logística reversa tem grande potencial para permitir que diferentes setores desempenham importantes papéis socioambientais e contribuam para a construção de um mundo melhor. Portanto, tem um impacto muito importante na proteção do meio ambiente e na redução dos danos à saúde humana. Além disso, a logística reversa traz outros benefícios para qualquer empresa de diversos setores, tornando-se uma estratégia eficaz para empresas de todos os ramos.

Tende a reduzir custos

Logística reversa e redução de custos estão intimamente ligadas, e a diferença entre esses dois conceitos está na maneira como você os usa!

Na prática, se você estabelecer uma política de logística reversa que tenha como objetivo o reaproveitamento de matéria-prima para o desenvolvimento de outros produtos, seus custos operacionais logísticos podem ser reduzidos significativamente. Além disso, o custo pode ser reduzido melhorando o processo de produção, que é o item do processo neste artigo.

Impactos positivos no processo produtivo

Na verdade, a logística reversa nem sempre é aplicada após o consumo. Por exemplo, você pode ter uma política de logística reversa para escolher produtos com defeito. Um dos objetivos dessa operação é monitorar a quantidade de produtos devolvidos por defeito, insatisfação do cliente e até mesmo erros de gerenciamento de estoque ou envio, identificando oportunidades importantes para melhorar seus processos.

Imagem corporativa e relacionamento

Toda empresa ou setor que aposta em políticas de logística reversa (pós-consumo ou outros padrões) tende a criar uma boa imagem para o consumidor moderno e é mais popular entre os consumidores.

Afinal, irá demonstrar consciência ambiental, compreensão e flexibilidade para se adaptar às novas necessidades, e além disso, poderá reforçar os conceitos positivos cada vez mais exigidos pelos clientes, nomeadamente: responsabilidade, compromisso social e economia colaborativa.

Mais vantagens competitivas

Todas as mudanças ocasionadas pela crise econômica e mudanças no comportamento do consumidor intensificaram a competição no mercado. Com isso, a logística reversa pode ser um diferencial e trazer importantes benefícios, permitindo que você fique à frente da concorrência, aumentando também o valor da sua marca.

Você gosta do conteúdo? Escreva o tópico que deseja ler nos comentários!

Todas as transformações advindas da crise econômica, mudanças de comportamento do consumidor e afins, tornaram o mercado mais competitivo. Com isso, a logística reversa pode ser um diferencial e resultar em benefícios importantes para que você consiga sair à frente da concorrência, e assim, aumentar também o valor da sua marca.

Gostou do conteúdo? Escreva nos comentários sobre qual assunto você quer ler! 

A Pier 8 tem soluções em logística para seu negócio. Preencha o formulário, estamos ansiosos por sua parceria! 




Preencha seus dados e acesse o e-book.

Tem alguma dúvida sobre Logística para E-Commerce?