Join Our Newsletter
  Corrija o(s) campo(s) assinalado(s) acima.

Já Sabe como fazer o cálculo de frete? Separamos umas Dicas!

22.7.2019 11:56
cálculo de frete

Existem muitas maneiras de fazer o cálculo de frete para sua loja online, mas qual será o melhor caminho para o seu negócio? Confira as nossas dicas e entenda como calcular as taxas de envio para o seu e-commerce!

Como fazer o cálculo de frete?

O cálculo de frete depende de vários fatores. Selecionamos 6 variáveis que podem afetar o custo de envio para sua loja online.

1. Dimensões da encomenda

As principais operadoras usam uma técnica de precificação chamada peso dimensional (também chamada de peso DIM) para fazer o cálculo de frete.

O peso dimensional é calculado multiplicando o comprimento, a largura e a altura do pacote e, em seguida, dividindo por um número DIM padrão.

As transportadoras, como a FedEx, calculam as despesas de envio com base no valor que for maior: o peso real do pacote ou seu peso DIM. O que for maior se torna o peso faturável pelo qual sua empresa será cobrada.

2. Peso da embalagem

Como mencionado acima, se esse número for maior que o peso DIM, ele será usado para calcular os custos de envio. Quanto mais pesado e maior o pacote, mais caro será o envio.

3. Destino de envio

As transportadoras usam as zonas de envio para fazer o cálculo de frete. As zonas de envio medem a distância entre o ponto de origem de um pacote e seu destino.

Isso significa que dois produtos coletados de pontos de origem diferentes podem ser despachados para o mesmo destino por zonas de envio completamente diferentes.

Como regra geral, quanto mais longe a zona de origem for, mais caro será o valor do pacote.

4. Valor do conteúdo enviado

Se você estiver enviando produtos de valor muito alto, convém tê-los assegurados. O seguro de envio oferece reembolso aos remetentes cujas mercadorias são perdidas, roubadas e/ou danificadas em trânsito. Embora útil, esse serviço pode aumentar significativamente o cálculo de frete.

5. Prazo de entrega

Os clientes esperam um envio rápido em qualquer lugar que façam compras on-line. No entanto, se você enviar de um único local, o envio rápido fica mais caro à medida que as zonas aumentam. Por exemplo, o envio de 2 dias para um cliente na Zona 1 pode ser feito por meio de envio terrestre; O transporte de 2 dias para a Zona 8 exigirá transporte aéreo acelerado mais caro.

6. Problemas inesperados

Não importa quão eficiente seja a sua estratégia de envio, problemas inesperados podem surgir de tempos em tempos. Eles podem gerar atrasos no envio, perda de itens ou até mesmo dano de mercadorias. Embora você não possa prever exatamente o que acontecerá, não se esqueça de deixar algum orçamento reservado em caso de emergência.

Cálculo de frete: modelos de precificação para e-commerce

O primeiro passo para fazer o cálculo de frete é ter os seus clientes em mente. Quanto eles estão dispostos a pagar? A resposta é provavelmente zero.

A maioria dos clientes não gosta de pagar pelo frete porque não acredita que agregue valor. Seu papel é mostrar que a taxa de envio é uma conveniência, que poupa o cliente de ir até uma loja física.

Opção #1 - Frete Grátis

Se a sua margem de lucro permitir, ofereça frete grátis para todos os produtos. Mas se isso não for possível, estabeleça um valor a partir do qual o envio será gratuito — como R$ 150, para incentivar os compradores a gastarem mais.

Uma boa maneira de definir o limite de frete grátis é fixá-lo um pouco acima do ticket médio do seu e-commerce. Por exemplo, se o valor médio de compra for de R$ 90, defina o limite de frete grátis a partir de R$ 100.

Isso te ajudará a aumentar o valor médio dos pedidos e compensar a perda de margem.

Opção #2 - Frete Fixo

cálculo de frete

Uma alternativa popular para o cálculo de frete é a taxa fixa, em que você cobra o mesmo valor para todos os pedidos enviados para o mesmo destino.

A vantagem da taxa fixa é evidente para os clientes e não deve haver surpresas.

Assim como acontece com o frete grátis, você sairá ganhando em alguns pedidos e perdendo em outros. O desafio aqui é definir uma taxa que garanta o ponto de equilíbrio.

Opção #3 - Frete de Matriz

O cálculo de frete de matriz é um pouco complicado. Ele é feito da seguinte maneira: custo de envio x peso x valor do carrinho x destino.

É comumente usado por lojas que têm uma ampla gama de produtos ou vendem itens caros como móveis, eletrodomésticos ou instrumentos musicais.

Sabemos que é difícil comunicar-se com os clientes antes que eles adicionem itens ao carrinho, pois isso geralmente exige mais informações do que você tem. No entanto, ainda é crucial tentar comunicar os custos de envio ao cliente o mais cedo possível.

Uma maneira de contornar isso é oferecer uma calculadora de frete na página do produto. Os clientes podem inserir sua localização e a calculadora fornecerá uma estimativa de custo de frete.

Opção #4 - Frete em Tempo Real

Algumas plataformas de e-commerce conectam-se a provedores de serviços de entrega ao finalizar a compra e fazem o cálculo de frete em tempo real com base no peso, volume e destino do produto.

Embora pareça o método mais justo de todos, ele é o que mais pode dar problema. Os clientes odeiam surpresas - e esse método quase sempre resulta em surpresas.

Em resumo, a melhor estratégia de cálculo de frete é aquela que você pode comunicar facilmente a seus clientes. Defina as expectativas antes que eles adicionem produtos ao carrinho e ofereça frete grátis ou com taxa fixa sempre que possível.

Conteúdos Relacionados

Tem alguma dúvida sobre logística?

fale com um expert