Inscreva-se e receba nossos artigos

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
30
12
2021

Gerenciamento Logístico para pequenas empresas

Tag
Confira nossas postagens sobre Gestão aqui na Pier8!

Quando feito da maneira certa, o gerenciamento da cadeia de suprimentos e logística (gerenciamento logístico), pode ser uma sinfonia harmoniosa de fornecedores, caminhões e depósitos. Todas as partes trabalham juntas para garantir que o produto seja entregue sem danos, no prazo e para a satisfação do cliente.

Por outro lado, uma cadeia de suprimentos incoerente, mal planejada e ineficaz pode desferir um golpe fatal para a média das pequenas e médias empresas. Produtos perdidos em trânsito, enviados para o local errado e cobranças inexplicáveis ​​nas receitas dos clientes podem causar angústia forte o suficiente para empurrar os clientes para a concorrência.

As dicas de gerenciamento logístico para pequenas empresas são uma leitura essencial. Acompanhe abaixo e boa leitura!

7 dicas de Gerenciamento Logístico para pequenas empresas

1. Definir objetivos

O principal objetivo da logística é levar mercadorias de um local para outro. No entanto, além dessa meta básica, você deve determinar qual é sua estratégia de negócios abrangente e definir suas metas de logística de acordo. Pretende oferecer os melhores prazos de entrega do mercado? Você gostaria de ser aquele que cobra menos?

Seja qual for o seu alvo, haverá um preço a pagar. A chave é encontrar o equilíbrio certo. Por exemplo, se você deseja prazos de entrega mais rápidos, provavelmente precisará gastar acima da média em transporte. Se você quiser ser um fornecedor de baixo custo, terá que identificar despesas não essenciais para cortar, mesmo que isso aconteça com prazos de entrega mais longos.

2. Foco nos clientes

Não importa o que você faça, nunca perca de vista o cliente. Mesmo ao buscar controles de custos, explore maneiras inovadoras de garantir a satisfação do cliente. Uma pesquisa recente descobriu que menos da metade dos entrevistados classificou sua capacidade de responder aos clientes como boa ou excelente. Quando se trata de logística, a comunicação com o cliente é crítica.

Desenvolva mecanismos para manter os clientes informados quando a entrega está indo de acordo com o planejado e quando não está. No caso de um embarque atrasar, é melhor que eles saibam disso do que você por meio de uma reclamação.

Lembre-se sempre de que a grande maioria dos clientes são pessoas razoavelmente razoáveis ​​e entendem que podem ocorrer contratempos. É a resposta a tais contratempos que separa um serviço medíocre de um excelente.

3. Rastrear custos

Fique de olho nos centavos e nos dólares. A gestão logística é um meio de levar os produtos aos seus clientes. É, portanto, um custo para fazer negócios e você deve estar sempre atento para não oferecer um serviço de entrega e distribuição abaixo do custo.

Divida seu processo logístico e tenha uma visão clara do custo de cada elemento. Com esse conhecimento, você pode transferir direta ou indiretamente o custo para o cliente. Você também pode reduzir ou eliminá-lo como parte de sua campanha de promoção de produto ocasional. O resultado final é que você deve saber quanto custa mover o item do ponto A para o B se quiser tomar as decisões corretas sobre preços.

4. Obtenha preços competitivos

Comparar fornecedores diferentes é fundamental para o negócio, mas é incrível como muitas pequenas e médias empresas vão com a primeira empresa de logística que vem à mente. Em algum nível, isso é compreensível, uma vez que as pequenas empresas não têm o luxo de vários funcionários, alguns dos quais se especializam em lidar com a logística.

Felizmente, a internet tornou a busca pelo provedor de serviços ideal muito mais fácil, rápida e barata. Obtenha orçamentos de várias transportadoras e verifique se os preços são negociáveis. O custo mais baixo pode não ser necessariamente o que você precisa, portanto, ao avaliar quaisquer operadoras, certifique-se de estar comparando de igual para igual .

5. Alavancar tecnologia

A Internet não é ótima apenas para pesquisas. Graças à internet das coisas, é possível acompanhar uma ampla gama de eventos que afetam o transporte do seu produto. Você e seus clientes devem ser capazes de dizer onde o item está em um determinado momento. Ao fornecer aos clientes acesso direto às informações de rastreamento, você se livra do fardo de mantê-los atualizados.

A cadeia de suprimentos e a logística são vitais para o sucesso de qualquer empresa, grande ou pequena. Sem um plano de gerenciamento de logística bem elaborado, você colocará toda a sua estratégia de negócios em risco de fracasso.

6. Tente entrar em contato com a logística de terceiros

Se você está um pouco apertado em um orçamento, investir em um bom parceiro de transporte é uma obrigação. No entanto, se você não tem o orçamento e seus andares e inundações, tente empregar uma logística terceirizada para lidar com sua carga no momento. Uma empresa de logística terceirizada, como a Pier 8, pode ajudá-lo com embalagem, armazenamento, manuseio, rastreamento, papelada, etiquetagem e até mesmo parcerias comerciais.

7. Ofereça aos seus clientes inúmeras opções

A flexibilidade é muito necessária quando você está vendendo. Hoje em dia, os clientes são centrados em mim e esperam que o varejista ofereça muitas opções que atendam às suas necessidades e estilo de vida. Portanto, é relevante no cumprimento da ordem e logística.

Gostou do conteúdo?

A Pier8 pode ajudar você nessa etapa importante a partir das soluções de gerenciamento logístico. Entre em contato conosco através do formulário


Inscreva-se e receba nossos artigos!

Tag
Confira nossas postagens sobre Gestão aqui na Pier8!

Gerenciamento Logístico para pequenas empresas

Quando feito da maneira certa, o gerenciamento da cadeia de suprimentos e logística (gerenciamento logístico), pode ser uma sinfonia harmoniosa de fornecedores, caminhões e depósitos. Todas as partes trabalham juntas para garantir que o produto seja entregue sem danos, no prazo e para a satisfação do cliente.

Por outro lado, uma cadeia de suprimentos incoerente, mal planejada e ineficaz pode desferir um golpe fatal para a média das pequenas e médias empresas. Produtos perdidos em trânsito, enviados para o local errado e cobranças inexplicáveis ​​nas receitas dos clientes podem causar angústia forte o suficiente para empurrar os clientes para a concorrência.

As dicas de gerenciamento logístico para pequenas empresas são uma leitura essencial. Acompanhe abaixo e boa leitura!

7 dicas de Gerenciamento Logístico para pequenas empresas

1. Definir objetivos

O principal objetivo da logística é levar mercadorias de um local para outro. No entanto, além dessa meta básica, você deve determinar qual é sua estratégia de negócios abrangente e definir suas metas de logística de acordo. Pretende oferecer os melhores prazos de entrega do mercado? Você gostaria de ser aquele que cobra menos?

Seja qual for o seu alvo, haverá um preço a pagar. A chave é encontrar o equilíbrio certo. Por exemplo, se você deseja prazos de entrega mais rápidos, provavelmente precisará gastar acima da média em transporte. Se você quiser ser um fornecedor de baixo custo, terá que identificar despesas não essenciais para cortar, mesmo que isso aconteça com prazos de entrega mais longos.

2. Foco nos clientes

Não importa o que você faça, nunca perca de vista o cliente. Mesmo ao buscar controles de custos, explore maneiras inovadoras de garantir a satisfação do cliente. Uma pesquisa recente descobriu que menos da metade dos entrevistados classificou sua capacidade de responder aos clientes como boa ou excelente. Quando se trata de logística, a comunicação com o cliente é crítica.

Desenvolva mecanismos para manter os clientes informados quando a entrega está indo de acordo com o planejado e quando não está. No caso de um embarque atrasar, é melhor que eles saibam disso do que você por meio de uma reclamação.

Lembre-se sempre de que a grande maioria dos clientes são pessoas razoavelmente razoáveis ​​e entendem que podem ocorrer contratempos. É a resposta a tais contratempos que separa um serviço medíocre de um excelente.

3. Rastrear custos

Fique de olho nos centavos e nos dólares. A gestão logística é um meio de levar os produtos aos seus clientes. É, portanto, um custo para fazer negócios e você deve estar sempre atento para não oferecer um serviço de entrega e distribuição abaixo do custo.

Divida seu processo logístico e tenha uma visão clara do custo de cada elemento. Com esse conhecimento, você pode transferir direta ou indiretamente o custo para o cliente. Você também pode reduzir ou eliminá-lo como parte de sua campanha de promoção de produto ocasional. O resultado final é que você deve saber quanto custa mover o item do ponto A para o B se quiser tomar as decisões corretas sobre preços.

4. Obtenha preços competitivos

Comparar fornecedores diferentes é fundamental para o negócio, mas é incrível como muitas pequenas e médias empresas vão com a primeira empresa de logística que vem à mente. Em algum nível, isso é compreensível, uma vez que as pequenas empresas não têm o luxo de vários funcionários, alguns dos quais se especializam em lidar com a logística.

Felizmente, a internet tornou a busca pelo provedor de serviços ideal muito mais fácil, rápida e barata. Obtenha orçamentos de várias transportadoras e verifique se os preços são negociáveis. O custo mais baixo pode não ser necessariamente o que você precisa, portanto, ao avaliar quaisquer operadoras, certifique-se de estar comparando de igual para igual .

5. Alavancar tecnologia

A Internet não é ótima apenas para pesquisas. Graças à internet das coisas, é possível acompanhar uma ampla gama de eventos que afetam o transporte do seu produto. Você e seus clientes devem ser capazes de dizer onde o item está em um determinado momento. Ao fornecer aos clientes acesso direto às informações de rastreamento, você se livra do fardo de mantê-los atualizados.

A cadeia de suprimentos e a logística são vitais para o sucesso de qualquer empresa, grande ou pequena. Sem um plano de gerenciamento de logística bem elaborado, você colocará toda a sua estratégia de negócios em risco de fracasso.

6. Tente entrar em contato com a logística de terceiros

Se você está um pouco apertado em um orçamento, investir em um bom parceiro de transporte é uma obrigação. No entanto, se você não tem o orçamento e seus andares e inundações, tente empregar uma logística terceirizada para lidar com sua carga no momento. Uma empresa de logística terceirizada, como a Pier 8, pode ajudá-lo com embalagem, armazenamento, manuseio, rastreamento, papelada, etiquetagem e até mesmo parcerias comerciais.

7. Ofereça aos seus clientes inúmeras opções

A flexibilidade é muito necessária quando você está vendendo. Hoje em dia, os clientes são centrados em mim e esperam que o varejista ofereça muitas opções que atendam às suas necessidades e estilo de vida. Portanto, é relevante no cumprimento da ordem e logística.

Gostou do conteúdo?

A Pier8 pode ajudar você nessa etapa importante a partir das soluções de gerenciamento logístico. Entre em contato conosco através do formulário


Preencha seus dados e acesse o e-book.

Tem alguma dúvida sobre Logística para E-Commerce?