Inscreva-se e receba nossos artigos

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
02
04
2021

Entenda a importância da cadeia de suprimentos para a etapa de entrega

Tag
entrega

Muito além de comprar e vender, as relações entre as empresas são muito mais complexas. A entrega, por exemplo, é uma importante etapa para que haja troca constante de informações entre gestores e consumidores. 

Supply Chain, expressão em inglês para cadeia de suprimentos, envolve desde a fabricação até a entrega do produto ao cliente final. Abrange diversas etapas, e por isso é essencial entender melhor e reconhecer a importância desse processo.

Qual a importância da Cadeia de Suprimentos para a entrega? 

A cadeia de suprimentos é responsável por envolver diversas áreas, como armazenamento e o movimento da matéria-prima, os processos relacionados ao inventário e os produtos finais. Algumas etapas de uma cadeia de suprimentos: 

  • Documentos;
  • Matérias-primas;
  • Informações;
  • Equipamentos;
  • Pessoas;
  • Insumos;
  • Organizações;
  • Meios de transporte.

Todos os itens acima são integrados na gestão da cadeia logística e o fluxo é eficaz para garantir que a organização obtenha o melhor resultado e ganhe competitividade.

Podemos dizer então que a abrangência da gestão da cadeia de suprimentos é relativa a 3 eixos:

  • Processos de negócios: assinalam o motivo pelo qual esse gerenciamento existe e sua finalidade;
  • Tecnologias, práticas, iniciativas e sistemas: indicam os modos inovadores e modernos que permitem a execução dos processos de negócios principais;
  • Organização e pessoas: envolve a estrutura da empresa e o treinamento institucional e de pessoas a fim de viabilizar a gestão da cadeia logística.

São eixos interligados e são trabalhados de acordo com uma escala de evolução. Isso exige a mensuração do desempenho de acordo com um tema estratégico.

O que faz um Profissional da Cadeia de Suprimentos?

Há algumas dúvidas a respeito de quem chefia a cadeia de suprimentos. O profissional de Supply Chain é responsável por manter a estrutura de produção adequada para que o produto chegue ao consumidor da melhor forma. Entretanto, é de competência desse profissional:

Mais do que isso, a preocupação de um bom profissional de Supply Chain deve abordar a qualidade do produto e a satisfação do cliente. São as duas bases da cadeia de suprimentos, pois não faz sentido criar estratégias de parcerias com fornecedores e deixar a qualidade do produto de lado. Da mesma forma que é ineficiente comprar ótimos produtos, mas atrasar a entrega para o consumidor final.

Principais etapas para uma boa gestão da cadeia de suprimentos

Hoje, a gestão da cadeia de suprimentos tem  um papel estratégico gigante nas companhias. O seu uso com qualidade tem um potencial gigante para reduzir custos e aprimorar a experiência do consumidor, ou seja, entrega maior valor com menor gasto de recursos.

Alcançá-la envolve abandonar o gerenciamento de funções individuais e buscar a integração das atividades a partir da estruturação de processos-chave na cadeia de suprimentos.
Entre os processos de negócios considerados chave para o sucesso de implementação do Supply Chain Management, destacamos os principais. Veja:

  1. Desenvolver equipes que tenham foco em clientes estratégicos, que busquem um entendimento comum sobre características de produtos e serviços, com a finalidade de torná-los atrativos para aquela classe de clientes.
  2. Fornecer um ponto de contato único para todos os clientes, de modo que atenda de forma eficiente a suas consultas e requisições;
  3. Captar, compilar e continuamente atualizar dados de demanda, com o objetivo de equilibrar a oferta e demanda;
  4. Atender aos pedidos dos clientes sem erros e dentro do prazo de entrega combinado anteriormente;
  5. Desenvolver sistemas flexíveis de produção que sejam capazes de responder de forma rápida às mudanças nas condições do mercado;
  6. Gerenciar relações de parceria com fornecedores com o objetivo de garantir respostas rápidas e a contínua melhoria de desempenho;
  7. Buscar o mais rápido possível o envolvimento dos fornecedores no desenvolvimento de novos produtos.

Terceirização Logística para maximizar resultados

Terceirizar a logística, na prática, significa reunir a eficiência de profissionais com conhecimento no seu negócio e estratégias. 

Esse processo é responsável pela armazenagem, separação, controle das mercadorias, entrada e saída, além do monitoramento até a chegada na casa do cliente. Todos nós sabemos que este é um processo que demanda um trabalho de análise e experiência. Quando há uma empresa responsável por isso, é possível ter mais segurança, tanto para você, que investe, quanto para os clientes. 

Além disso, o contratante consegue acompanhar tudo em tempo real. 

Levando em consideração todos os históricos de sucesso de negócios na internet, a parte estrutural de um comércio eletrônico é um dos principais problemas enfrentados pelas empresas nacionais e internacionais. Antes de montar seu planejamento estratégico para seu negócio, atente-se à estrutura de logística para alcançar bons resultados . Afinal, uma vez que haja uma falha nesse processo, o que pode ocorrer são atrasos na entrega, falta de controle do estoque e muitas reclamações dos clientes. 

A Pier8 pode ajudar você nessa etapa importante a partir das soluções eficientes em logística! Entre em contato, podemos tirar todas suas dúvidas! 




Inscreva-se e receba nossos artigos!

Tag
entrega

Entenda a importância da cadeia de suprimentos para a etapa de entrega

Muito além de comprar e vender, as relações entre as empresas são muito mais complexas. A entrega, por exemplo, é uma importante etapa para que haja troca constante de informações entre gestores e consumidores. 

Supply Chain, expressão em inglês para cadeia de suprimentos, envolve desde a fabricação até a entrega do produto ao cliente final. Abrange diversas etapas, e por isso é essencial entender melhor e reconhecer a importância desse processo.

Qual a importância da Cadeia de Suprimentos para a entrega? 

A cadeia de suprimentos é responsável por envolver diversas áreas, como armazenamento e o movimento da matéria-prima, os processos relacionados ao inventário e os produtos finais. Algumas etapas de uma cadeia de suprimentos: 

  • Documentos;
  • Matérias-primas;
  • Informações;
  • Equipamentos;
  • Pessoas;
  • Insumos;
  • Organizações;
  • Meios de transporte.

Todos os itens acima são integrados na gestão da cadeia logística e o fluxo é eficaz para garantir que a organização obtenha o melhor resultado e ganhe competitividade.

Podemos dizer então que a abrangência da gestão da cadeia de suprimentos é relativa a 3 eixos:

  • Processos de negócios: assinalam o motivo pelo qual esse gerenciamento existe e sua finalidade;
  • Tecnologias, práticas, iniciativas e sistemas: indicam os modos inovadores e modernos que permitem a execução dos processos de negócios principais;
  • Organização e pessoas: envolve a estrutura da empresa e o treinamento institucional e de pessoas a fim de viabilizar a gestão da cadeia logística.

São eixos interligados e são trabalhados de acordo com uma escala de evolução. Isso exige a mensuração do desempenho de acordo com um tema estratégico.

O que faz um Profissional da Cadeia de Suprimentos?

Há algumas dúvidas a respeito de quem chefia a cadeia de suprimentos. O profissional de Supply Chain é responsável por manter a estrutura de produção adequada para que o produto chegue ao consumidor da melhor forma. Entretanto, é de competência desse profissional:

Mais do que isso, a preocupação de um bom profissional de Supply Chain deve abordar a qualidade do produto e a satisfação do cliente. São as duas bases da cadeia de suprimentos, pois não faz sentido criar estratégias de parcerias com fornecedores e deixar a qualidade do produto de lado. Da mesma forma que é ineficiente comprar ótimos produtos, mas atrasar a entrega para o consumidor final.

Principais etapas para uma boa gestão da cadeia de suprimentos

Hoje, a gestão da cadeia de suprimentos tem  um papel estratégico gigante nas companhias. O seu uso com qualidade tem um potencial gigante para reduzir custos e aprimorar a experiência do consumidor, ou seja, entrega maior valor com menor gasto de recursos.

Alcançá-la envolve abandonar o gerenciamento de funções individuais e buscar a integração das atividades a partir da estruturação de processos-chave na cadeia de suprimentos.
Entre os processos de negócios considerados chave para o sucesso de implementação do Supply Chain Management, destacamos os principais. Veja:

  1. Desenvolver equipes que tenham foco em clientes estratégicos, que busquem um entendimento comum sobre características de produtos e serviços, com a finalidade de torná-los atrativos para aquela classe de clientes.
  2. Fornecer um ponto de contato único para todos os clientes, de modo que atenda de forma eficiente a suas consultas e requisições;
  3. Captar, compilar e continuamente atualizar dados de demanda, com o objetivo de equilibrar a oferta e demanda;
  4. Atender aos pedidos dos clientes sem erros e dentro do prazo de entrega combinado anteriormente;
  5. Desenvolver sistemas flexíveis de produção que sejam capazes de responder de forma rápida às mudanças nas condições do mercado;
  6. Gerenciar relações de parceria com fornecedores com o objetivo de garantir respostas rápidas e a contínua melhoria de desempenho;
  7. Buscar o mais rápido possível o envolvimento dos fornecedores no desenvolvimento de novos produtos.

Terceirização Logística para maximizar resultados

Terceirizar a logística, na prática, significa reunir a eficiência de profissionais com conhecimento no seu negócio e estratégias. 

Esse processo é responsável pela armazenagem, separação, controle das mercadorias, entrada e saída, além do monitoramento até a chegada na casa do cliente. Todos nós sabemos que este é um processo que demanda um trabalho de análise e experiência. Quando há uma empresa responsável por isso, é possível ter mais segurança, tanto para você, que investe, quanto para os clientes. 

Além disso, o contratante consegue acompanhar tudo em tempo real. 

Levando em consideração todos os históricos de sucesso de negócios na internet, a parte estrutural de um comércio eletrônico é um dos principais problemas enfrentados pelas empresas nacionais e internacionais. Antes de montar seu planejamento estratégico para seu negócio, atente-se à estrutura de logística para alcançar bons resultados . Afinal, uma vez que haja uma falha nesse processo, o que pode ocorrer são atrasos na entrega, falta de controle do estoque e muitas reclamações dos clientes. 

A Pier8 pode ajudar você nessa etapa importante a partir das soluções eficientes em logística! Entre em contato, podemos tirar todas suas dúvidas! 




Preencha seus dados e acesse o e-book.

Tem alguma dúvida sobre Logística para E-Commerce?