Inscreva-se e receba nossos artigos

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
14
07
2021

Crescimento de e-commerce exige melhorias nos processos logísticos

Tag
logística
logística para e-commerce

O avanço constante avanço da tecnologia e da inovação torna impossível não falar de e-commerce sem associá-lo a uma operação logística eficiente. 

Aliás, isso deve estar, obrigatoriamente, nos holofotes das grandes empresas. Uma das razões é que o setor de logística, com destaque para os operadores logísticos, tem se transformado para acompanhar o dinamismo do e-commerce e as constantes mudanças.

Esse movimento acontece, sobretudo, devido às soluções tecnológicas e inovadoras, por isso é necessário acompanhar as mudanças e estar pronto para se adaptar! 

Crescimento de e-commerce: quais são as soluções para melhorar os processos logísticos? 

Com as rápidas transformações no mercado, em decorrência da pandemia de Covid-19, tudo para atender ao novo tipo de consumidor, revendo os modelos de distribuição e da malha logística passou a ser bem vindo.

Por consequência, muitas empresas passaram então a atuar majoritariamente no B2B mudassem a estratégia comercial — hoje, e se aproximam rapidamente dos consumidores, passando a atuar no setor B2C.

Com as novas demandas, os setores de e-commerce, como os que cuidam de etapas logísticas, têm se preparado cada vez mais desenvolvendo soluções multicanais. Essas, envolvem:

  • preparação para o varejo e o comércio eletrônico;
  • controle e qualidade dos produtos;
  • embalagem;
  • personalização de pedidos;
  • soluções de transporte;
  • gestão de devoluções.

Dificuldades logísticas enfrentados por e-commerces

Além dos desafios colocados na malha rodoviária brasileira, muitas vezes, as empresas encontram desafios para administrar suas cadeias logísticas e acompanhar o crescimento do e-commerce

Entre os percalços, destacam-se os que envolvem canais de distribuição e tempo de resposta dos processos. A sazonalidade é um desafio muito grande, ou seja, períodos de maior demanda como Páscoa, Dia das Mães, Dia das Crianças e Natal. Para driblar essa situação, os operadores logísticos desenvolvem operações de multicanais, conseguindo assim absorver muito mais variações do que um centro de distribuição dedicado, disponibilizando informação em tempo real e visibilidade total dos processos.

O desenvolvimento de plataformas híbridas que sejam capazes de atender ao comércio eletrônico tanto no B2B como no B2C é uma das diversas soluções desenvolvidas por negócios que atuam com armazenagem e supply chain

Os processos logísticos com estratégias eficazes são verdadeiros aliados do setor comercial, principalmente, para o e-commerce. Ao fazer decisões de compras online, os consumidores modernos consideram as condições de entrega e devolução dos pedidos, ainda mais agora, com o crescimento do comércio eletrônico, reflexo do isolamento social imposto pelo novo coronavírus. 

É preciso pensar nos novos consumidores 

Os consumidores modernos, principalmente os que estão vindo no movimento da pandemia, estão cada vez mais prontos para receber soluções com velocidade e agilidade. Sendo assim, a logística eficiente é essencial para criar a lealdade dos compradores. Por outro lado, atrasos ou falhas logísticas podem prejudicar diretamente a reputação de um revendedor ou fabricante.

No mundo moderno, a automação e a transformação digital são fatores primordiais para os negócios que atuam no mercado. A cada dia, os operadores encontram novas maneiras de aplicar mais tecnologia e modernização para aumentar a produtividade. 

O avanço da digitalização das atividades e dos processos, investimentos na robotização e no gerenciamento da distribuição são aspectos fundamentais para acompanhar o crescimento desse mercado.

Em resposta ao novo comportamento de compra do consumidor, é necessário compreender que o e-commerce veio para ficar. Dessa forma, todos os elos da cadeia logística precisam estar atentos em oferecer serviços cada vez mais customizados e estruturados para atender às necessidades desse setor. 

Planejamento de vendas e operações

Uma coisa é certa: por trás de todo resultado positivo há um planejamento bem definido. Dessa maneira, para garantir que uma empresa seja competitiva, faça um bom planejamento, mantenha a organização e o controle da sua operação logística e defina uma estratégia comercial que esteja devidamente alinhada com suas estratégias de logística.

Algumas etapas para ter um planejamento eficiente são: 

  • Atualização de dados: para elaborar um planejamento eficaz, atualizar os dados é o primeiro passo para ter sucesso, seja para aplicar um processo totalmente novo na empresa ou para reestruturar a cadeia de suprimentos. A atualização de dados deve ser sempre feita no fechamento mensal das vendas ou outro período mensurável definido. A análise de dados de um momento anterior pode ajudar a melhorar as vendas futuras do seu negócio. 
  • Planejamento de demanda e vendas: nesta etapa você terá uma previsão de vendas. Assim, o objetivo é elaborar um plano de vendas que indique o que realmente seu negócio está disposto a oferecer ao mercado em determinado período de acordo com a combinação de previsões estatísticas obtidas por meio de um histórico, além de outras informações fornecidas pela equipe de vendas, por exemplo.
  • Planejamento de produção e suprimentos: essa atividade é fundamental para definir os níveis desejados de estoque para cada família de produtos disponíveis no portfólio do seu negócio.
  • Reunião para dar início às ações: neste espaço, você irá formalizar o planejamento e disseminá-lo para toda a empresa. É fundamental que todas as equipes estejam alinhadas para que o planejamento não seja boicotado, ele precisa ser seguido à risca e, assim, os resultados não irão fugir do esperado. 

Invista na gestão da cadeia de suprimentos 

A gestão da cadeia de suprimentos é fundamental para identificar diversos pontos de atenção e fatores que podem ser otimizados em sua operação logística.

O objetivo é garantir uma cadeia produtiva mais rápida, reduzindo gastos e mantendo a qualidade do serviço vinculada às necessidades do consumidor moderno. Os novos consumidores são mais exigentes quanto ao que estão consumindo, dessa forma, atendimento com base em comunicação eficaz é a melhor maneira de impactar (positivamente) no mercado. 

  • Faça o mapeamento de todos os processos atuais;
  • Compartilhe informações com fornecedores;
  • Garanta a integração entre as áreas;
  • Aposte na integração logística para gerir a cadeia de suprimentos.

Investir na logística como diferencial competitivo vai muito além de pensar somente no operacional. Hoje, as tecnologias na logística aplicadas ao seu negócio podem atrair consumidores. A Pier 8 tem soluções para seu negócio, entre em contato


Inscreva-se e receba nossos artigos!

Tag
logística
logística para e-commerce

Crescimento de e-commerce exige melhorias nos processos logísticos

O avanço constante avanço da tecnologia e da inovação torna impossível não falar de e-commerce sem associá-lo a uma operação logística eficiente. 

Aliás, isso deve estar, obrigatoriamente, nos holofotes das grandes empresas. Uma das razões é que o setor de logística, com destaque para os operadores logísticos, tem se transformado para acompanhar o dinamismo do e-commerce e as constantes mudanças.

Esse movimento acontece, sobretudo, devido às soluções tecnológicas e inovadoras, por isso é necessário acompanhar as mudanças e estar pronto para se adaptar! 

Crescimento de e-commerce: quais são as soluções para melhorar os processos logísticos? 

Com as rápidas transformações no mercado, em decorrência da pandemia de Covid-19, tudo para atender ao novo tipo de consumidor, revendo os modelos de distribuição e da malha logística passou a ser bem vindo.

Por consequência, muitas empresas passaram então a atuar majoritariamente no B2B mudassem a estratégia comercial — hoje, e se aproximam rapidamente dos consumidores, passando a atuar no setor B2C.

Com as novas demandas, os setores de e-commerce, como os que cuidam de etapas logísticas, têm se preparado cada vez mais desenvolvendo soluções multicanais. Essas, envolvem:

  • preparação para o varejo e o comércio eletrônico;
  • controle e qualidade dos produtos;
  • embalagem;
  • personalização de pedidos;
  • soluções de transporte;
  • gestão de devoluções.

Dificuldades logísticas enfrentados por e-commerces

Além dos desafios colocados na malha rodoviária brasileira, muitas vezes, as empresas encontram desafios para administrar suas cadeias logísticas e acompanhar o crescimento do e-commerce

Entre os percalços, destacam-se os que envolvem canais de distribuição e tempo de resposta dos processos. A sazonalidade é um desafio muito grande, ou seja, períodos de maior demanda como Páscoa, Dia das Mães, Dia das Crianças e Natal. Para driblar essa situação, os operadores logísticos desenvolvem operações de multicanais, conseguindo assim absorver muito mais variações do que um centro de distribuição dedicado, disponibilizando informação em tempo real e visibilidade total dos processos.

O desenvolvimento de plataformas híbridas que sejam capazes de atender ao comércio eletrônico tanto no B2B como no B2C é uma das diversas soluções desenvolvidas por negócios que atuam com armazenagem e supply chain

Os processos logísticos com estratégias eficazes são verdadeiros aliados do setor comercial, principalmente, para o e-commerce. Ao fazer decisões de compras online, os consumidores modernos consideram as condições de entrega e devolução dos pedidos, ainda mais agora, com o crescimento do comércio eletrônico, reflexo do isolamento social imposto pelo novo coronavírus. 

É preciso pensar nos novos consumidores 

Os consumidores modernos, principalmente os que estão vindo no movimento da pandemia, estão cada vez mais prontos para receber soluções com velocidade e agilidade. Sendo assim, a logística eficiente é essencial para criar a lealdade dos compradores. Por outro lado, atrasos ou falhas logísticas podem prejudicar diretamente a reputação de um revendedor ou fabricante.

No mundo moderno, a automação e a transformação digital são fatores primordiais para os negócios que atuam no mercado. A cada dia, os operadores encontram novas maneiras de aplicar mais tecnologia e modernização para aumentar a produtividade. 

O avanço da digitalização das atividades e dos processos, investimentos na robotização e no gerenciamento da distribuição são aspectos fundamentais para acompanhar o crescimento desse mercado.

Em resposta ao novo comportamento de compra do consumidor, é necessário compreender que o e-commerce veio para ficar. Dessa forma, todos os elos da cadeia logística precisam estar atentos em oferecer serviços cada vez mais customizados e estruturados para atender às necessidades desse setor. 

Planejamento de vendas e operações

Uma coisa é certa: por trás de todo resultado positivo há um planejamento bem definido. Dessa maneira, para garantir que uma empresa seja competitiva, faça um bom planejamento, mantenha a organização e o controle da sua operação logística e defina uma estratégia comercial que esteja devidamente alinhada com suas estratégias de logística.

Algumas etapas para ter um planejamento eficiente são: 

  • Atualização de dados: para elaborar um planejamento eficaz, atualizar os dados é o primeiro passo para ter sucesso, seja para aplicar um processo totalmente novo na empresa ou para reestruturar a cadeia de suprimentos. A atualização de dados deve ser sempre feita no fechamento mensal das vendas ou outro período mensurável definido. A análise de dados de um momento anterior pode ajudar a melhorar as vendas futuras do seu negócio. 
  • Planejamento de demanda e vendas: nesta etapa você terá uma previsão de vendas. Assim, o objetivo é elaborar um plano de vendas que indique o que realmente seu negócio está disposto a oferecer ao mercado em determinado período de acordo com a combinação de previsões estatísticas obtidas por meio de um histórico, além de outras informações fornecidas pela equipe de vendas, por exemplo.
  • Planejamento de produção e suprimentos: essa atividade é fundamental para definir os níveis desejados de estoque para cada família de produtos disponíveis no portfólio do seu negócio.
  • Reunião para dar início às ações: neste espaço, você irá formalizar o planejamento e disseminá-lo para toda a empresa. É fundamental que todas as equipes estejam alinhadas para que o planejamento não seja boicotado, ele precisa ser seguido à risca e, assim, os resultados não irão fugir do esperado. 

Invista na gestão da cadeia de suprimentos 

A gestão da cadeia de suprimentos é fundamental para identificar diversos pontos de atenção e fatores que podem ser otimizados em sua operação logística.

O objetivo é garantir uma cadeia produtiva mais rápida, reduzindo gastos e mantendo a qualidade do serviço vinculada às necessidades do consumidor moderno. Os novos consumidores são mais exigentes quanto ao que estão consumindo, dessa forma, atendimento com base em comunicação eficaz é a melhor maneira de impactar (positivamente) no mercado. 

  • Faça o mapeamento de todos os processos atuais;
  • Compartilhe informações com fornecedores;
  • Garanta a integração entre as áreas;
  • Aposte na integração logística para gerir a cadeia de suprimentos.

Investir na logística como diferencial competitivo vai muito além de pensar somente no operacional. Hoje, as tecnologias na logística aplicadas ao seu negócio podem atrair consumidores. A Pier 8 tem soluções para seu negócio, entre em contato


Preencha seus dados e acesse o e-book.

Tem alguma dúvida sobre Logística para E-Commerce?