Inscreva-se e receba nossos artigos

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
30
07
2021

Como desenvolver um plano de gestão logística sustentável?

Tag
logística

O conceito de sustentabilidade não é novidade para ninguém, mas uma coisa é certa: ele está cada vez mais em alta! Não à toa, tem sido responsável pela mudança no comportamento de pessoas e empresas, promovendo redução no consumo, de desperdícios e tomando decisões mais conscientes sobre os impactos que elas causam no ambiente, por exemplo. 

O que é a logística sustentável?

A logística sustentável — também conhecida como logística verde — é movimentada por meio de princípios que visam promover a sustentabilidade ambiental. Na prática, isso significa que as empresas devem se responsabilizar pelo destino dos produtos e resíduos que são gerados. Então, criam meios de reduzir o impacto que eles causam no ambiente. Na logística, as preocupações estão em torno de promover o descarte adequado, disponibilizar os itens para reciclagem, diminuir o consumo e os desperdícios, entre outras ações.

Como desenvolver um plano de Gestão de Logística Sustentável?

Os Planos de Gestão de Logística Sustentável (PLS) são recursos que dão suporte ao planejamento e possuem responsabilidades e metas bem definidas. 

Através deles, as organizações são capazes de estabelecerem práticas voltadas para a sustentabilidade, bem como para a promoção de gastos mais conscientes.

Para resumir, o plano de gestão logística sustentável é um conjunto de métodos, objetivos, prazos e critérios de avaliação que visam identificar, organizar e sistematizar boas práticas — que irão colaborar para tornar as operações sustentáveis. 

Leia também: Veja aqui o que é logística reversa e qual sua importância!

Qual a importância de um plano de gestão logística sustentável?

Criar planos de gestão logística sustentável, a fim de melhorar as operações, de forma que sejam adotadas ações cujo intuito é diminuir os impactos sobre o meio ambiente. Contudo, as empresas também podem ser beneficiadas. 

Preservação do meio ambiente

As mudanças de sustentabilidade aplicadas à logística auxiliam na diminuição do impacto ao ambiente, tanto se tratando da emissão de poluição, quanto dando a destinação correta aos materiais logísticos. Algumas ações que podem ser feitas para solucionar esta questão são: reutilização, reciclagem, ou destinação adequada.

Adaptação à legislação

Da mesma maneira que a preocupação com o meio ambiente tem aumentado entre a sociedade e gestores, leis também têm sido criadas, com exigências rigorosas em relação a emissão de gases e o descarte de produtos, por exemplo. Por consequência, as fiscalizações têm ficado mais intensas, e o papel dos Planos de Gestão de Logística Sustentável tem sido o de contribuir para que as empresas consigam adaptar as suas operações.

Melhora da imagem da empresa no mercado

Através da consciência ambiental, que tem se expandido entre as pessoas, é possível explorar o marketing empresarial utilizando o conceito de “empresa sustentável” ou “empresa verde”.

Assim, os consumidores passam a ter uma visão mais positiva do negócio — que por sinal, irá ajudar a promover sua marca e conquistar um público maior

Qual o papel do WMS na gestão logística? 

O WMS nada mais é que um sistema de logística que integra a cadeia de suprimentos (SCM – Supply Chain Management), e seu principal objetivo é o gerenciamento e a automatização de todos os processos logísticos que ocorrem em um armazém ou centro de distribuição.

Com isso, houve uma revolução nos setores que demandam logística eficiente. Se antes o controle era feito manualmente, a partir dessa solução o próprio software assume total controle do estoque, desde o momento da chegada de um produto, até a etapa de expedição. O resultado? Diminuição de falhas nos processos logísticos e redução de custos, mas a lista não para por aí, além disso:

  • Otimização do tempo gasto;
  • Organização de todos os processos internos;
  • Controle da entrada e saída de produtos;
  • Planejamento de recursos;
  • Melhoria na comunicação;
  • Controle e abastecimento da linha de produção;

O sistema WMS na logística se conecta a um banco de dados, ali são registrados toda e qualquer movimentação que acontece dentro do armazém, tudo é mediado a partir do uso de códigos de barras, QR codes ou sensores automáticos. Algumas atividades realizadas pelo software, capaz de reduzir falhas importantes na logística:

  • Registra entrada e saída de mercadorias;
  • Atualizar o inventário com informações gerais sobre os produtos, como data de validade, peso, dimensões e número de lote;
  • Impulsiona a organização do estoque, com base na demanda, otimizando o espaço disponível;
  • Fornece relatórios atualizados sobre o status dos produtos no armazém.

Principais benefícios em inovar na logística com a Pier 8:

  • Poder de negociação oriundo dos grandes volumes de carga, que podem gerar acordos vantajosos para o prestador de serviços;
  • Utilização das áreas próprias da plataforma logística para estoque, diminuindo assim  assim o espaço necessário na própria planta do cliente;
  • Alcance maior na cadeia de distribuição, a possibilidade de realização de transporte multimodal/intermodal, o que contribui para a diminuição dos custos logísticos, assim como no balanceamento da matriz de transportes;
  • Proximidade de estruturas de apoio e a possibilidade de exploração de inúmeras alternativas no âmbito de terceiras partes que estão envolvidas no serviço;
  • Geração imediata de empregos na região de operação da plataforma logística.

A Pier 8 tem soluções em logística a partir de tecnologias consistentes, como o sistema WMS. Entre em contato conosco!



Inscreva-se e receba nossos artigos!

Tag
logística

Como desenvolver um plano de gestão logística sustentável?

O conceito de sustentabilidade não é novidade para ninguém, mas uma coisa é certa: ele está cada vez mais em alta! Não à toa, tem sido responsável pela mudança no comportamento de pessoas e empresas, promovendo redução no consumo, de desperdícios e tomando decisões mais conscientes sobre os impactos que elas causam no ambiente, por exemplo. 

O que é a logística sustentável?

A logística sustentável — também conhecida como logística verde — é movimentada por meio de princípios que visam promover a sustentabilidade ambiental. Na prática, isso significa que as empresas devem se responsabilizar pelo destino dos produtos e resíduos que são gerados. Então, criam meios de reduzir o impacto que eles causam no ambiente. Na logística, as preocupações estão em torno de promover o descarte adequado, disponibilizar os itens para reciclagem, diminuir o consumo e os desperdícios, entre outras ações.

Como desenvolver um plano de Gestão de Logística Sustentável?

Os Planos de Gestão de Logística Sustentável (PLS) são recursos que dão suporte ao planejamento e possuem responsabilidades e metas bem definidas. 

Através deles, as organizações são capazes de estabelecerem práticas voltadas para a sustentabilidade, bem como para a promoção de gastos mais conscientes.

Para resumir, o plano de gestão logística sustentável é um conjunto de métodos, objetivos, prazos e critérios de avaliação que visam identificar, organizar e sistematizar boas práticas — que irão colaborar para tornar as operações sustentáveis. 

Leia também: Veja aqui o que é logística reversa e qual sua importância!

Qual a importância de um plano de gestão logística sustentável?

Criar planos de gestão logística sustentável, a fim de melhorar as operações, de forma que sejam adotadas ações cujo intuito é diminuir os impactos sobre o meio ambiente. Contudo, as empresas também podem ser beneficiadas. 

Preservação do meio ambiente

As mudanças de sustentabilidade aplicadas à logística auxiliam na diminuição do impacto ao ambiente, tanto se tratando da emissão de poluição, quanto dando a destinação correta aos materiais logísticos. Algumas ações que podem ser feitas para solucionar esta questão são: reutilização, reciclagem, ou destinação adequada.

Adaptação à legislação

Da mesma maneira que a preocupação com o meio ambiente tem aumentado entre a sociedade e gestores, leis também têm sido criadas, com exigências rigorosas em relação a emissão de gases e o descarte de produtos, por exemplo. Por consequência, as fiscalizações têm ficado mais intensas, e o papel dos Planos de Gestão de Logística Sustentável tem sido o de contribuir para que as empresas consigam adaptar as suas operações.

Melhora da imagem da empresa no mercado

Através da consciência ambiental, que tem se expandido entre as pessoas, é possível explorar o marketing empresarial utilizando o conceito de “empresa sustentável” ou “empresa verde”.

Assim, os consumidores passam a ter uma visão mais positiva do negócio — que por sinal, irá ajudar a promover sua marca e conquistar um público maior

Qual o papel do WMS na gestão logística? 

O WMS nada mais é que um sistema de logística que integra a cadeia de suprimentos (SCM – Supply Chain Management), e seu principal objetivo é o gerenciamento e a automatização de todos os processos logísticos que ocorrem em um armazém ou centro de distribuição.

Com isso, houve uma revolução nos setores que demandam logística eficiente. Se antes o controle era feito manualmente, a partir dessa solução o próprio software assume total controle do estoque, desde o momento da chegada de um produto, até a etapa de expedição. O resultado? Diminuição de falhas nos processos logísticos e redução de custos, mas a lista não para por aí, além disso:

  • Otimização do tempo gasto;
  • Organização de todos os processos internos;
  • Controle da entrada e saída de produtos;
  • Planejamento de recursos;
  • Melhoria na comunicação;
  • Controle e abastecimento da linha de produção;

O sistema WMS na logística se conecta a um banco de dados, ali são registrados toda e qualquer movimentação que acontece dentro do armazém, tudo é mediado a partir do uso de códigos de barras, QR codes ou sensores automáticos. Algumas atividades realizadas pelo software, capaz de reduzir falhas importantes na logística:

  • Registra entrada e saída de mercadorias;
  • Atualizar o inventário com informações gerais sobre os produtos, como data de validade, peso, dimensões e número de lote;
  • Impulsiona a organização do estoque, com base na demanda, otimizando o espaço disponível;
  • Fornece relatórios atualizados sobre o status dos produtos no armazém.

Principais benefícios em inovar na logística com a Pier 8:

  • Poder de negociação oriundo dos grandes volumes de carga, que podem gerar acordos vantajosos para o prestador de serviços;
  • Utilização das áreas próprias da plataforma logística para estoque, diminuindo assim  assim o espaço necessário na própria planta do cliente;
  • Alcance maior na cadeia de distribuição, a possibilidade de realização de transporte multimodal/intermodal, o que contribui para a diminuição dos custos logísticos, assim como no balanceamento da matriz de transportes;
  • Proximidade de estruturas de apoio e a possibilidade de exploração de inúmeras alternativas no âmbito de terceiras partes que estão envolvidas no serviço;
  • Geração imediata de empregos na região de operação da plataforma logística.

A Pier 8 tem soluções em logística a partir de tecnologias consistentes, como o sistema WMS. Entre em contato conosco!



Preencha seus dados e acesse o e-book.

Tem alguma dúvida sobre Logística para E-Commerce?