Inscreva-se e receba nossos artigos

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
23
08
2021

Como agilizar o processo logístico da indústria?

Tag
logística
processo logistico

O setor logístico é um dos mais importantes para o crescimento de uma corporação, afinal, é ele o responsável por organizar todo o fluxo de informações, pessoas e materiais com o objetivo de alcançar as metas com agilidade e competência. 

Contudo, se tratando de logística da indústria, para ter um bom desempenho, é necessário ter um gerenciamento integrado que visa vincular a empresa com seus fornecedores e clientes. Confira neste conteúdo dicas para agilizar o processo logístico industrial!

4 Dicas para agilizar o processo logístico da indústria

Diante da alta competitividade no mercado, tornou-se fundamental buscar por métodos que geram resultados eficazes. Contudo, planejar e coordenar os processos organizacionais não é tão simples quanto parece, pois demanda uma medida que ajuda a garantir o caminho do sucesso, tanto no que diz respeito à satisfação dos clientes quanto à rentabilidade da empresa.

Confira agora, as principais ações necessárias que buscar otimizar o processo logístico da indústria:

1. Mapear e automatizar processos

É essencial que a organização tenha controle dos processos para obter sucesso na realização de suas atividades internas. Nesse sentido, é importante que os gestores analisem os passos na execução de cada operação e como é a forma de integração delas dentro do seu negócio. Contudo, o mapeamento se torna o melhor recurso para identificar falhas e prevenir inconformidades nos processos logísticos.

Dessa forma, é possível melhorar tanto a eficiência quanto o desempenho dos serviços, além disso, reduzir custos, desperdício e tempo gasto para efetuar as tarefas, o que irá resultar em maior flexibilidade e agilidade na cadeia de suprimentos.

Além disso, outro fator relevante é a automatização dos processos logísticos. Com essa metodologia é possível fazer a integração de todos os setores da organização, facilitando o acesso e a busca de informações. Isso contribui positivamente na qualidade dos serviços prestados, na segurança das ações internas e na satisfação dos clientes.

2. Otimizar o espaço da empresa

Se você está em busca de potencializar todo o espaço da sua empresa, o primeiro passo é dinamizar as atividades e os processos de rotina. Contudo, é preciso manter os estoques ordenados, atendendo à lógica de entrada e saída dos produtos ou mercadorias.

Contar com um sistema que possa auxiliar no controle de estoque, também pode contribuir para uma boa gestão de armazém. Afinal, a noção de espaço otimizado está ligada à ideia de um estoque enxuto. 

3. Reduzir as movimentações desnecessárias

Aplicar essa ação condiz com o mau planejamento da organização, podendo também estar relacionado ao transporte ou até mesmo à equipe interna.

Na logística, o transporte repercute em consideráveis custos logísticos que uma empresa pode ter. Dessa maneira, é necessário evitar a movimentação dos veículos de carga pequena e entregas desorganizadas.

Em relação à equipe interna, é necessário analisar a movimentação do funcionário durante a execução da tarefa pela qual é responsável. Isso porque, o deslocamento repetitivo pode tornar os processos demorados ou até mesmo resultar em acidentes.

Assim, recomenda-se o emprego de layouts como linhas de montagem, pois assim, cada funcionário receberá sua tarefa a ser realizada sem ter que mudar de lugar ou posição constantemente.

4. Facilitar o desenvolvimento dos processos

No mundo em que vivemos atualmente, a tecnologia (sobretudo aplicada à logística) proporciona sistemas automatizados que facilitam o desenvolvimento de processos, tais como garantia de informação confiável e integração de diversas atividades e serviços que uma empresa tem.

Softwares para melhorar o desempenho dos processos logísticos da indústria

A partir da implantação de um software de gestão, é comum ter um maior e melhor desempenho no âmbito organizacional. Afinal, são vários os benefícios que a tecnologia traz nos processos logísticos industriais, como, por exemplo, aumento da produtividade, agilidade e eficiência nos processos, otimização nas operações repetitivas, possibilidade de aumento na sua rentabilidade e fiscalização das atividades em tempo real.

Contudo, considerando a cadeia de suprimentos, no geral, a logística industrial é a solução para um planejamento eficiente e procedimentos hábeis. Além disso, tem sido uma questão fundamental e decisiva na conquista de vantagens competitivas e na redução de custos logísticos.

Sistemas ERP

O uso de sistemas de informação pelas empresas é o que viabiliza inúmeros setores que fazem parte das inovações apresentadas neste conteúdo. Afinal, por meio deles é possível centralizar a gestão da informação de toda a empresa, integrando a logística de variadas filiais em diferentes localidades, por exemplo, e permitindo uma tomada de decisão muito mais conjunta, que podemos chamar também de alinhada.

Por outro lado, esses sistemas permitem a análise dos dados de modo a antecipar futuras demandas e/ou possíveis inconsistências nos processos, dando permissão a empresa que se adapte para um aumento ou diminuição no fluxo de entregas, este é um exemplo, ou corrija falhas antes que elas tenham o poder de ocasionar prejuízos.

Softwares de gestão de estoque

Alguns dos benefícios de sistemas de gestão de estoque são: agilizar o processamento das informações relativas às vendas e encurtar o tempo de separação de mercadorias, evitando erros e atrasos nas entregas.

Softwares de CRM

Otimizar a relação com o cliente também é uma demanda do setor de logística. Isso porque, poder identificar quais as reais necessidades dos consumidores pode ser uma forma altamente eficiente de melhorar a prestação dos serviços e alcançar a satisfação daqueles que os utilizam.

Diminuição de riscos: Cloud Computing

A disseminação da computação em nuvem fez com que inúmeros dos conceitos apresentados se tornassem mais acessíveis, sobretudo às pequenas e médias empresas. Afinal, a partir dela os custos reduziram bastante. Um exemplo são os softwares de gestão de estoque e ERP, que podem migrar para a nuvem e alcançar mais empresas.

É bem perceptível que, atualmente, a eficiência dos processos logísticos é diretamente proporcional aos investimentos em tecnologia e inovação que a empresa faz, esses conceitos que foram listados são alguns exemplos de onde o gestor pode focar suas atenções e investir.

Para concluir, a preocupação com a logística da empresa deve fazer parte da rotina de qualquer gestor, isso em razão da alta competitividade do mercado e a demanda dos consumidores por mais agilidade nas entregas, negligenciar o papel da tecnologia em logística no sucesso de sua empresa pode ser prejudicial para a imagem e para os resultados financeiros da empresa.

Fulfillment para indústrias  

Basicamente, o fulfillment  é terceirização de logística, algo de grande importância em tempos de relação direta com o consumidor final. O Fulfillment envolve todas as operações necessárias para atender às necessidades do cliente, além disso, exige uma atuação integrada de diversos setores para garantir a excelência do serviço prestado, entre eles estão: logística, tecnologia, atendimento e marketing.

Este método irá possibilitar uma visão total de todo o cenário, através dos instrumentos disponíveis e adequados, e então serão adotadas as melhores práticas, direcionando todo o funcionamento para soluções ágeis e inteligentes, do mesmo modo que irá auxiliar na comunicação entre empresa e mercado. 

A implementação da  logística fulfillment garante que os custos sejam reduzidos e as vendas aumentem. A Pier 8 já está no tempo real!  Conheça nossas soluções em logísticas alinhadas com tecnologia! Entre em contato conosco através do formulário, podemos tirar todas suas dúvidas! 



Inscreva-se e receba nossos artigos!

Tag
logística
processo logistico

Como agilizar o processo logístico da indústria?

O setor logístico é um dos mais importantes para o crescimento de uma corporação, afinal, é ele o responsável por organizar todo o fluxo de informações, pessoas e materiais com o objetivo de alcançar as metas com agilidade e competência. 

Contudo, se tratando de logística da indústria, para ter um bom desempenho, é necessário ter um gerenciamento integrado que visa vincular a empresa com seus fornecedores e clientes. Confira neste conteúdo dicas para agilizar o processo logístico industrial!

4 Dicas para agilizar o processo logístico da indústria

Diante da alta competitividade no mercado, tornou-se fundamental buscar por métodos que geram resultados eficazes. Contudo, planejar e coordenar os processos organizacionais não é tão simples quanto parece, pois demanda uma medida que ajuda a garantir o caminho do sucesso, tanto no que diz respeito à satisfação dos clientes quanto à rentabilidade da empresa.

Confira agora, as principais ações necessárias que buscar otimizar o processo logístico da indústria:

1. Mapear e automatizar processos

É essencial que a organização tenha controle dos processos para obter sucesso na realização de suas atividades internas. Nesse sentido, é importante que os gestores analisem os passos na execução de cada operação e como é a forma de integração delas dentro do seu negócio. Contudo, o mapeamento se torna o melhor recurso para identificar falhas e prevenir inconformidades nos processos logísticos.

Dessa forma, é possível melhorar tanto a eficiência quanto o desempenho dos serviços, além disso, reduzir custos, desperdício e tempo gasto para efetuar as tarefas, o que irá resultar em maior flexibilidade e agilidade na cadeia de suprimentos.

Além disso, outro fator relevante é a automatização dos processos logísticos. Com essa metodologia é possível fazer a integração de todos os setores da organização, facilitando o acesso e a busca de informações. Isso contribui positivamente na qualidade dos serviços prestados, na segurança das ações internas e na satisfação dos clientes.

2. Otimizar o espaço da empresa

Se você está em busca de potencializar todo o espaço da sua empresa, o primeiro passo é dinamizar as atividades e os processos de rotina. Contudo, é preciso manter os estoques ordenados, atendendo à lógica de entrada e saída dos produtos ou mercadorias.

Contar com um sistema que possa auxiliar no controle de estoque, também pode contribuir para uma boa gestão de armazém. Afinal, a noção de espaço otimizado está ligada à ideia de um estoque enxuto. 

3. Reduzir as movimentações desnecessárias

Aplicar essa ação condiz com o mau planejamento da organização, podendo também estar relacionado ao transporte ou até mesmo à equipe interna.

Na logística, o transporte repercute em consideráveis custos logísticos que uma empresa pode ter. Dessa maneira, é necessário evitar a movimentação dos veículos de carga pequena e entregas desorganizadas.

Em relação à equipe interna, é necessário analisar a movimentação do funcionário durante a execução da tarefa pela qual é responsável. Isso porque, o deslocamento repetitivo pode tornar os processos demorados ou até mesmo resultar em acidentes.

Assim, recomenda-se o emprego de layouts como linhas de montagem, pois assim, cada funcionário receberá sua tarefa a ser realizada sem ter que mudar de lugar ou posição constantemente.

4. Facilitar o desenvolvimento dos processos

No mundo em que vivemos atualmente, a tecnologia (sobretudo aplicada à logística) proporciona sistemas automatizados que facilitam o desenvolvimento de processos, tais como garantia de informação confiável e integração de diversas atividades e serviços que uma empresa tem.

Softwares para melhorar o desempenho dos processos logísticos da indústria

A partir da implantação de um software de gestão, é comum ter um maior e melhor desempenho no âmbito organizacional. Afinal, são vários os benefícios que a tecnologia traz nos processos logísticos industriais, como, por exemplo, aumento da produtividade, agilidade e eficiência nos processos, otimização nas operações repetitivas, possibilidade de aumento na sua rentabilidade e fiscalização das atividades em tempo real.

Contudo, considerando a cadeia de suprimentos, no geral, a logística industrial é a solução para um planejamento eficiente e procedimentos hábeis. Além disso, tem sido uma questão fundamental e decisiva na conquista de vantagens competitivas e na redução de custos logísticos.

Sistemas ERP

O uso de sistemas de informação pelas empresas é o que viabiliza inúmeros setores que fazem parte das inovações apresentadas neste conteúdo. Afinal, por meio deles é possível centralizar a gestão da informação de toda a empresa, integrando a logística de variadas filiais em diferentes localidades, por exemplo, e permitindo uma tomada de decisão muito mais conjunta, que podemos chamar também de alinhada.

Por outro lado, esses sistemas permitem a análise dos dados de modo a antecipar futuras demandas e/ou possíveis inconsistências nos processos, dando permissão a empresa que se adapte para um aumento ou diminuição no fluxo de entregas, este é um exemplo, ou corrija falhas antes que elas tenham o poder de ocasionar prejuízos.

Softwares de gestão de estoque

Alguns dos benefícios de sistemas de gestão de estoque são: agilizar o processamento das informações relativas às vendas e encurtar o tempo de separação de mercadorias, evitando erros e atrasos nas entregas.

Softwares de CRM

Otimizar a relação com o cliente também é uma demanda do setor de logística. Isso porque, poder identificar quais as reais necessidades dos consumidores pode ser uma forma altamente eficiente de melhorar a prestação dos serviços e alcançar a satisfação daqueles que os utilizam.

Diminuição de riscos: Cloud Computing

A disseminação da computação em nuvem fez com que inúmeros dos conceitos apresentados se tornassem mais acessíveis, sobretudo às pequenas e médias empresas. Afinal, a partir dela os custos reduziram bastante. Um exemplo são os softwares de gestão de estoque e ERP, que podem migrar para a nuvem e alcançar mais empresas.

É bem perceptível que, atualmente, a eficiência dos processos logísticos é diretamente proporcional aos investimentos em tecnologia e inovação que a empresa faz, esses conceitos que foram listados são alguns exemplos de onde o gestor pode focar suas atenções e investir.

Para concluir, a preocupação com a logística da empresa deve fazer parte da rotina de qualquer gestor, isso em razão da alta competitividade do mercado e a demanda dos consumidores por mais agilidade nas entregas, negligenciar o papel da tecnologia em logística no sucesso de sua empresa pode ser prejudicial para a imagem e para os resultados financeiros da empresa.

Fulfillment para indústrias  

Basicamente, o fulfillment  é terceirização de logística, algo de grande importância em tempos de relação direta com o consumidor final. O Fulfillment envolve todas as operações necessárias para atender às necessidades do cliente, além disso, exige uma atuação integrada de diversos setores para garantir a excelência do serviço prestado, entre eles estão: logística, tecnologia, atendimento e marketing.

Este método irá possibilitar uma visão total de todo o cenário, através dos instrumentos disponíveis e adequados, e então serão adotadas as melhores práticas, direcionando todo o funcionamento para soluções ágeis e inteligentes, do mesmo modo que irá auxiliar na comunicação entre empresa e mercado. 

A implementação da  logística fulfillment garante que os custos sejam reduzidos e as vendas aumentem. A Pier 8 já está no tempo real!  Conheça nossas soluções em logísticas alinhadas com tecnologia! Entre em contato conosco através do formulário, podemos tirar todas suas dúvidas! 



Preencha seus dados e acesse o e-book.

Tem alguma dúvida sobre Logística para E-Commerce?