Inscreva-se e receba nossos artigos

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
21
02
2020

Aprenda a otimizar um centro de distribuição!

armazenagem
logística
logística 4.0

A eficiência do centro de distribuição possui impacto significativo no resultado final de qualquer empresa. A operação logística demanda grandes investimentos e altas despesas recorrentes, e também interfere na satisfação do cliente. Após a conversão da venda, a logística possui um papel de, mais do que nunca, garantir a entrega do material certo, no local certo e no momento certo!


O índice de produtividade é de fundamental controle em todas as etapas da logística: recebimento, inventário, armazenagem e processamento de pedidos, também conhecido como fulfillment. Algumas ações podem ser tomadas para garantir melhor performance do centro de distribuição, ou seja, produzir mais com menos recursos.

Leia também: Qual a importância do Business Intelligence para as práticas logísticas?

Como otimizar o Centro de Distribuição

Aprenda a otimizar um centro de distribuição!

Inventário cíclico

Defina classes ou famílias de produtos para produzir inventário de modo parcial e periódico durante o ano. As sazonalidades da operação e de produtos também devem ser levadas em consideração para definir o calendário de inventário. Desse modo, não será necessária um grande movimento de pessoas para a execução desta atividade.

Implemente um WMS

Há softwares de Warehouse Management System para controlar e facilitar a execução das atividades logísticas, possuem funções de recebimento, endereçamento para armazenagem, picking, packing, inventário, expedição, entre outras funções. A ferramenta é capaz de otimizar a armazenagem dentro do CD, organiza e controla toda a operação como um todo e individualmente por operador.

Utilize coletores de dados

Tratam-se de dispositivos que devem trabalhar conjuntamente com o software de WMS. Sua tela do sistema é enxuta e possuem o objetivo de facilitar e agilizar o manuseio pelos colaboradores. A leitura do código de barras ou bidimensional permite uma conferência durante o picking, funcionando como um mecanismo a prova de erros. O seu uso deixa o trabalho mais versátil e com rastreabilidade, além de outros benefícios.

Não deixe de ler: Como aplicar Big Data na Logística

Mude a iluminação

Quem é dessa área sabe que a energia elétrica representa um custo considerável dentro dos galpões de logística. A substituição de algumas telhas por opções transparentes e reflexivas ou ainda, a simples mudança na posição dos objetos, já elimina ou diminui a necessidade de manter as luzes ligadas dentro do armazém a todo momento.

Escolha o melhor modelo de operação

Cada negócio ou ainda, família de produtos possui sua especificidade, por isso é possível trabalhar com um ou mais modelos logísticos diferentes. Alguns dos principais modelos são: estoque, crossdocking ou dropshipping. 

Mapeie os processos

De tempo em tempo, realize um mapeamento do tipo As Is dos processos somado a mensuração dos tempos e movimentos de cada atividade. O resultado deste levantamento poderá apontar para falhas dentro da operação, os quais poderão ser eliminados com um bom plano de ação.

Repense o layout

A alteração do mix de produtos, sazonalidades e expansão são exemplos de situações que alteram o modo pelo qual o estoque pode ser acondicionado nos sistemas de armazenagem. A regra básica é que os itens com maior giro permaneçam armazenados em posições mais baixas e próximos às áreas de expedição, para facilitar o alcance. 


Desse modo, o tempo gasto na movimentação, assim como a necessidade de equipamentos, como empilhadeiras, reduzem drasticamente. A adoção de diferentes modelos logísticos também interfere no layout do Centro de Distribuição. As operações de crossdocking não demandam verticalização devido ao giro, do mesmo modo que o dropshipping, que não demandam nem espaço dentro do armazém.

Utilize e compartilhe indicadores

Isso parece simples, mas muitas organizações não possuem indicadores das operações logísticas. Aquelas que possuem não compartilham os resultados com toda a equipe. 


Faça instalação de televisores ou quadros à vista nas áreas operacionais, contendo relatórios atualizados cotidianamente na forma visual para fácil interpretação dos dados.

Terceirização de Logística para um Centro de Distribuição otimizado

Aprenda a otimizar um centro de distribuição!

Terceirizar Logística é uma tendência cada vez maior no mercado. Aliás, em grande parte isso se deve às vantagens que essa relação comercial proporciona para as empresas e os consumidores. 


A terceirização de logística atua de modo a auxiliar no planejamento das melhores estratégias para entrega da mercadoria, controlar o estoque, armazenar e entregar dentro do prazo o produto de modo seguro. 

Pessoas

Isso significa que as pessoas que atuam neste ramo possuem experiência no assunto, ou seja, são especialistas no assunto, tanto por formação acadêmica (MBA, mestrado, doutorado, etc) quanto pela experiência profissional. Além disso, estão totalmente envolvidas no meio, participando de feiras, fóruns, reuniões e tendo acesso a canais destinados ao setor, tais como revistas, blogs, etc.


Entretanto, possuem conhecimento de novas tecnologias e tendências nacionais e internacionais. São pontos que refletem nas Soluções e Diferenciais oferecidos aos seus clientes.


Para a empresa que terceiriza, pode ocorrer uma considerável redução do quadro de funcionários, isso diminui a necessidade de gestão, espaço e outras tarefas administrativas relativas a pessoas.

Equipamentos

Há dezenas de equipamentos aplicáveis na armazenagem e movimentação de materiais. Entretanto, é importante conhecer o que eles oferecem e quais suprem ou não a necessidade de cada operação. Em alguns casos um equipamento irá influenciar em outro e uma escolha errada pode comprometer toda a operação, diante disso, é importante entender do assunto!

Processos

Ter um processo robusto é a base para uma boa operação! É fundamental mapear todas as atividades e entendê-las de forma detalhada, desse modo é possível gerar: velocidade, qualidade, flexibilidade, produtividade, confiabilidade, entre outros pontos.

Ambiente/Layout

Para operacionalização é necessário ter um ambiente adequado nos aspectos relacionados a espaço (área, pé direito, capacidade de peso do piso, docas elevadas, iluminação, sistemas de detecção e combate a incêndio, segurança, entre outros) e layout adequado para proporcionar redução dos movimentos, tempos (lead time) e o máximo de aproveitamento do espaço.

Qualidade

Este aspecto é o que todo prestador de serviços deve buscar frequentemente!

Esse é um dos principais motivos pelo qual algumas empresas têm receio em terceirizar. É sabido que nem todos os prestadores conseguem garantir um bom Nível de Serviço, exatamente por isso que é importante escolher o parceiro certo! Esse deve contar com um SGQ - Sistema de Gestão da Qualidade desenvolvido, implementado e controlado a partir de importantes indicadores (KPI- Key Performance Indicators).


Leia também: 10 produtos incríveis para vender na internet + logística eficiente

Tecnologia

O mercado está em constante evolução, frente a isso novas tecnologias surgem cotidianamente. É essencial trabalhar atualizado e implementar os novos recursos disponíveis, tanto hardwares quanto softwares. São novos meios que podem desdobrar em maior produtividade, agilidade, qualidade, menores custos ou também pode ser um diferencial para o cliente final!

Custos

Acredito que esse seja o fator principal para a escolha de terceirização de logística pela maioria das empresas! Na prestação de serviços é possível ter custos menores, tudo depende da eficiência do operador logístico. Em muitos casos é ainda possível substituir custos fixos por variáveis, o que é muito positivo para as organizações!


As perspectivas acima são somente alguns exemplos, além dessas existem diversas outras que podem ser observadas. Importante lembrar que a eficácia da terceirização de logística depende de todas as partes envolvidas nas etapas dessa transformação.

Pier 8: Logística Terceirizada para E-commerce

Aprenda a otimizar um centro de distribuição!

Algumas das vantagens de terceirizar a logística da sua loja com a Pier 8:


  • Diminuição nos custos de estoque;
  • Menos pessoas de sua equipe alocada;
  • Know-how do parceiro serviço de mais qualidade;
  • Redução no preço final do frete segurança prazos. 


Independentemente da operação, seja ela terceirizada ou interna, utilize essas dicas em seu processo de fulfillment. Essas estratégias irão te ajudar a reduzir custos e otimizar sua gestão na loja virtual.


  1. Picking & Packing: Todo o nosso processo de picking é feito por código de barras e dupla conferência. No packing atendemos o que o seu produto precisar. 
  2. Transporte: Pelo grande volume de vendas feito por nossos clientes possuímos condições diferenciadas de frete para reduzir seus custos e do cliente final. 
  3. WMS: Temos parceria com diversas Plataformas de ERP, assim conseguimos integrar seus pedidos em nossa plataforma de forma simples e automatizada.
  4. Segurança: Seu produto na Pier8 é nossa responsabilidade. Trabalhamos somente com produtos com NF e Seguro. 
  5. 100% Online: Sua ferramenta de gestão é 100% online, onde você consegue acompanhar todas as etapas do seu processo.


Essas são algumas dicas preciosas que podem melhorar o desempenho do centro de distribuição de forma considerável e gerar economia ao negócio. É fundamental conhecer bem a própria operação logística para buscar o caminho ideal de melhorias. 


Se aproprie também das vantagens de terceirizar logística e não se esqueça que os frutos gerados de uma boa parceria podem ir além dessa lista, contribuindo, inclusive, para uma gestão de cadeia de nutrição ainda mais eficaz!


Até a próxima!



Inscreva-se e receba nossos artigos!

Tem alguma dúvida sobre Logística para E-Commerce?