Inscreva-se e receba nossos artigos

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.
09
03
2021

5 Práticas logísticas para tirar seu negócio do vermelho

Tag
logística

Infelizmente, muitos negócios foram impactados (negativamente) com a pandemia. A logística foi desafiada neste cenário, tornou-se essencial acompanhar às melhores práticas logísticas. Uma coisa é certa: apesar do período desafiador, ou você se lamenta, ou arregaça as mangas para transformar os desafios em oportunidade.

Vai ser preciso repensar e ajustar os modelos logísticos usados, repensar a maneira como gerir seus negócios, repensar suas parcerias, repensar a forma de gerir seus custos, repensar as relações com fornecedores, repensar como usar a tecnologia e a digitalização dos processos, ou seja, o que queremos dizer é que é preciso ressignificar a nossa forma de atuar. 

5 práticas logísticas para tirar seu negócio do vermelho

1. Logística e os avanços tecnológicos

Estamos na era da revolução digital, o momento tem repercutido mudanças significativas nos modelos de negócios e, diante disso, muitas transformações nas cadeias de suprimentos se fazem necessárias.

Compreender como a inteligência artificial (IA) e machine learning, estão sendo usadas, é fundamental para o profissional de logística. Precisaremos pensar em uma  “logística smart”.

Outro ponto de atenção, seguindo esse ritmo, é quanto ao uso da Internet das Coisas (IoT - Internet of Things). Com ela já é possível conectar objetos tornando-os inteligentes.

Além disso, supercomputadores e realidade aumentada já são itens cada vez mais comuns no  mundo dos negócios.  As transações em dispositivos móveis aumentam a cada instante e, com a internet para mobile cada vez mais desenvolvida, esta tendência será ainda mais relevante no mundo dos negócios. A dica  é de que os profissionais estejam atentos a estes e outros avanços tecnológicos que estejam disponíveis.

2. Logística como aliada na experiência única ao Usuário

A experiência do usuário e do consumidor é cada vez mais importante, os novos consumidores buscam muito além de comprar um produto, eles também desejam boas experiências. E esta tendência continuará crescendo.

Uma coisa que sabemos é que, uma transação comercial, começa muito antes do pagamento e, a relação com o consumidor, não termina após sua realização.

Neste caso, o profissional de logística precisa fazer parte desta experiência, gerenciando cada etapa do ciclo do pedido (entrada do pedido até a entrega do pedido), identificando os possíveis pontos de atrito na experiência do cliente

 Cada vez mais a visibilidade das informações sobre o status da operação logística será essencial para a melhoria da gestão das cadeias logísticas. É essencial que o profissional de logística fique atento às possibilidades tecnológicas que já estão disponíveis, assim como manter-se ligado nos avanços que irão permitir obter esta visibilidade de forma mais simples, rápida e menos onerosa.

3. Logística colaborativa na Economia colaborativa

A economia colaborativa é uma realidade na nossa vida e nos negócios. Basta lembrar dos aplicativos de carona, compartilhamento de quartos e financiamento coletivo, entre outros recursos, que fazem parte dessa tendência.

Este conceito baseia-se na premissa de compartilhar e não desperdiçar.

O uso dos recursos passam a ser mais mais inteligentes, gerando economia de dinheiro, tempo e espaço.

Necessidades de otimização de processos visando redução de custos e melhoria do nível de serviços, irão fazer com que as empresas busquem sinergias com seus fornecedores, clientes e também seus concorrentes.

Logo, o profissional de logística precisará estar cada vez mais aberto às possibilidades de parceria, buscando sempre o olhar de como otimizar os processos logísticos e os fluxos existentes na cadeia de seu negócio.

É necessário que o conceito de colaboração seja melhor compreendido em sua essência e, muitos processos logísticos serão reinventados.

Diante disso, minha recomendação é que os profissionais de logística pensem formas inovadoras de uso compartilhado de seus recursos (equipamentos, veículos, armazéns, escritórios, processamento de dados, e por aí vai...).

4. Logística de nicho 

Consigo identificar que temos uma expansão por serviços cada vez mais segmentados, podemos dizer assim. Um bom exemplo é com relação a alimentação destinada a públicos vegetarianos, veganos, intolerantes à lactose e muitos outros.

Para atender a estes nichos, é necessário repensar toda a cadeia logística, desde a escolha do fornecedor, passando pelo processo produtivo, embalagem e entrega ao cliente.

Atualmente temos nichos bem consolidados, como o citado acima. Entretanto, existem muitos outros nichos que o profissional de logística precisará estar atento para identificar, que ajustes precisam ser realizados ao longo da cadeia. 

5. Omnichannel & Entregas em Lockers

É uma realidade cada vez mais destacada o fato de que teremos a integração de lojas físicas e virtuais. A tendência do varejo é buscar a convergência, de todos os canais utilizados pela empresa (Omnichannel) e, o consumidor irá perceber cada vez menos a diferença entre o mundo online e off-line.

Esta integração possibilitará uma nova experiência para o cliente, mas também irá gerar algumas mudanças nos processos logísticos de processamento de pedidos, previsão de demanda, gestão de estoques, transporte,  entre outros, precisarão ser reinventados. 

A Pier8 pode ajudar você nessa etapa importante a partir das soluções em logísticas com tecnologias eficientes! Entre em contato conosco através do formulário, podemos agendar uma conversa, que tal?





Inscreva-se e receba nossos artigos!

Tag
logística

5 Práticas logísticas para tirar seu negócio do vermelho

Infelizmente, muitos negócios foram impactados (negativamente) com a pandemia. A logística foi desafiada neste cenário, tornou-se essencial acompanhar às melhores práticas logísticas. Uma coisa é certa: apesar do período desafiador, ou você se lamenta, ou arregaça as mangas para transformar os desafios em oportunidade.

Vai ser preciso repensar e ajustar os modelos logísticos usados, repensar a maneira como gerir seus negócios, repensar suas parcerias, repensar a forma de gerir seus custos, repensar as relações com fornecedores, repensar como usar a tecnologia e a digitalização dos processos, ou seja, o que queremos dizer é que é preciso ressignificar a nossa forma de atuar. 

5 práticas logísticas para tirar seu negócio do vermelho

1. Logística e os avanços tecnológicos

Estamos na era da revolução digital, o momento tem repercutido mudanças significativas nos modelos de negócios e, diante disso, muitas transformações nas cadeias de suprimentos se fazem necessárias.

Compreender como a inteligência artificial (IA) e machine learning, estão sendo usadas, é fundamental para o profissional de logística. Precisaremos pensar em uma  “logística smart”.

Outro ponto de atenção, seguindo esse ritmo, é quanto ao uso da Internet das Coisas (IoT - Internet of Things). Com ela já é possível conectar objetos tornando-os inteligentes.

Além disso, supercomputadores e realidade aumentada já são itens cada vez mais comuns no  mundo dos negócios.  As transações em dispositivos móveis aumentam a cada instante e, com a internet para mobile cada vez mais desenvolvida, esta tendência será ainda mais relevante no mundo dos negócios. A dica  é de que os profissionais estejam atentos a estes e outros avanços tecnológicos que estejam disponíveis.

2. Logística como aliada na experiência única ao Usuário

A experiência do usuário e do consumidor é cada vez mais importante, os novos consumidores buscam muito além de comprar um produto, eles também desejam boas experiências. E esta tendência continuará crescendo.

Uma coisa que sabemos é que, uma transação comercial, começa muito antes do pagamento e, a relação com o consumidor, não termina após sua realização.

Neste caso, o profissional de logística precisa fazer parte desta experiência, gerenciando cada etapa do ciclo do pedido (entrada do pedido até a entrega do pedido), identificando os possíveis pontos de atrito na experiência do cliente

 Cada vez mais a visibilidade das informações sobre o status da operação logística será essencial para a melhoria da gestão das cadeias logísticas. É essencial que o profissional de logística fique atento às possibilidades tecnológicas que já estão disponíveis, assim como manter-se ligado nos avanços que irão permitir obter esta visibilidade de forma mais simples, rápida e menos onerosa.

3. Logística colaborativa na Economia colaborativa

A economia colaborativa é uma realidade na nossa vida e nos negócios. Basta lembrar dos aplicativos de carona, compartilhamento de quartos e financiamento coletivo, entre outros recursos, que fazem parte dessa tendência.

Este conceito baseia-se na premissa de compartilhar e não desperdiçar.

O uso dos recursos passam a ser mais mais inteligentes, gerando economia de dinheiro, tempo e espaço.

Necessidades de otimização de processos visando redução de custos e melhoria do nível de serviços, irão fazer com que as empresas busquem sinergias com seus fornecedores, clientes e também seus concorrentes.

Logo, o profissional de logística precisará estar cada vez mais aberto às possibilidades de parceria, buscando sempre o olhar de como otimizar os processos logísticos e os fluxos existentes na cadeia de seu negócio.

É necessário que o conceito de colaboração seja melhor compreendido em sua essência e, muitos processos logísticos serão reinventados.

Diante disso, minha recomendação é que os profissionais de logística pensem formas inovadoras de uso compartilhado de seus recursos (equipamentos, veículos, armazéns, escritórios, processamento de dados, e por aí vai...).

4. Logística de nicho 

Consigo identificar que temos uma expansão por serviços cada vez mais segmentados, podemos dizer assim. Um bom exemplo é com relação a alimentação destinada a públicos vegetarianos, veganos, intolerantes à lactose e muitos outros.

Para atender a estes nichos, é necessário repensar toda a cadeia logística, desde a escolha do fornecedor, passando pelo processo produtivo, embalagem e entrega ao cliente.

Atualmente temos nichos bem consolidados, como o citado acima. Entretanto, existem muitos outros nichos que o profissional de logística precisará estar atento para identificar, que ajustes precisam ser realizados ao longo da cadeia. 

5. Omnichannel & Entregas em Lockers

É uma realidade cada vez mais destacada o fato de que teremos a integração de lojas físicas e virtuais. A tendência do varejo é buscar a convergência, de todos os canais utilizados pela empresa (Omnichannel) e, o consumidor irá perceber cada vez menos a diferença entre o mundo online e off-line.

Esta integração possibilitará uma nova experiência para o cliente, mas também irá gerar algumas mudanças nos processos logísticos de processamento de pedidos, previsão de demanda, gestão de estoques, transporte,  entre outros, precisarão ser reinventados. 

A Pier8 pode ajudar você nessa etapa importante a partir das soluções em logísticas com tecnologias eficientes! Entre em contato conosco através do formulário, podemos agendar uma conversa, que tal?





Preencha seus dados e acesse o e-book.

Tem alguma dúvida sobre Logística para E-Commerce?